Juventude vence Chape, sobe na tabela e esquenta briga contra Série B

·2 min de leitura
CHAPECÓ,SC,14.11.2021:CHAPECOENSE-JUVENTUDE-CAMPEONATO-BRASILEIRO-SÉRIE-A - O jogador Guilherme Castilho comemora gol partida entre Chapecoense e Juventude, válido pelo Campeonato Brasileiro Série A, realizado na cidade de Chapecó, SC, neste domingo, 14. (Foto: Tarla Wolski/Futura Press/Folhapress)
CHAPECÓ,SC,14.11.2021:CHAPECOENSE-JUVENTUDE-CAMPEONATO-BRASILEIRO-SÉRIE-A - O jogador Guilherme Castilho comemora gol partida entre Chapecoense e Juventude, válido pelo Campeonato Brasileiro Série A, realizado na cidade de Chapecó, SC, neste domingo, 14. (Foto: Tarla Wolski/Futura Press/Folhapress)

PORTO ALEGRE, RS (UOL/FOLHAPRESS) - O Juventude venceu a Chapecoense, neste domingo (14), e segue vivo na luta contra o rebaixamento. O placar de 2 a 0 em Chapecó, em jogo válido pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, aproximou o time gaúcho do Bahia, atualmente o primeiro clube fora do Z4, e que tem uma partida a mais na comparação com a equipe de Caxias do Sul. A Chape, por outro lado, segue sem vencer como mandante.

Guilherme Castilho e Vitor Mendes fizeram os gols do jogo, ainda no primeiro tempo.

Com o resultado, o Juventude chega a 36 pontos e se torna o 17º na tabela, igualando a pontuação do Bahia, 16º colocado. O time de Caxias do Sul ultrapassa o Sport, que perdeu para o Ceará e permanece com 30.

Na próxima rodada, o Juventude recebe o Fluminense e a Chapecoense visita o Santos. As duas partidas serão na quarta-feira (17).

O JOGO

O primeiro ataque do Juventude já virou gol. A bola na rede foi resultado da boa jogada pelo lado direito, mas também da fragilidade da Chapecoense. Com a vantagem, o time de Caxias do Sul soube dosar energia e controlar a partida. Ampliou antes do intervalo em outra bola aérea, mas desta vez depois de cobrança de falta.

A primeira partida da Chapecoense depois da queda matemática para a Série B não foi boa. O time até chegou a criar algumas chances no ataque, mas pecou na hora de concluir.

A vitória em Santa Catarina também tem outro viés. Foi a segunda vitória consecutiva do time de Jair Ventura. Na quarta-feira, o Juventude venceu o Internacional. Com seis pontos adicionados, a equipe volta a brigar para escapar do rebaixamento à Série B.

Estádio: Arena Condá, em Chapecó (SC)

Árbitro: Alisson Sidnei Furtado (TO)

Auxiliares: Fábio Pereira (TO) e Cipriano da Silva Sousa (TO)

VAR: Leone Carvalho Rocha (GO)

Cartões amarelos: Denner, Ignácio, Mike (CHA); Michel Macedo (JUV)

Gols: Guilherme Castilho, aos 4min do 1º tempo (JUV); Vitor Mendes, aos 25min do 1º tempo (JUV)

CHAPECOENSE

Keiller; Matheus Ribeiro (Ezequiel), Joilson (Jordan), Ignácio e Busanello; Alan Santos (Renê Jr), Denner (Marquinho), Anderson Leite, Mike e Bruno Silva (Rodriguinho); Anselmo Ramon. T.: Felipe Andres

JUVENTUDE

Douglas; Michel Macedo, Vitor Mendes, Forster e William Matheus; Jadson, Dawhan (Chico), Wagner (Capixaba), Guilherme Castilho (Ricardinho) e Sorriso (Paulo Henrique); Ricardo Bueno (Roberson). T.: Jair Ventura

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos