Justin Gaethje sugere luta no UFC 249 e não descarta substituir Khabib ou Ferguson

Contrariado por ver Conor McGregor possivelmente furar a fila para disputar o cinturão peso-leve (70 kg) do Ultimate e sem definição sobre seu futuro na organização, Justin Gaethje revelou os planos que consideraria ideal para o ano de 2020. Ao programa de rádio ‘MMA Tonight’, o americano – que não luta desde setembro do ano passado, quando nocauteou Donald ‘Cowboy’ Cerrone – projetou seu retorno aos octógonos para o UFC 249, marcado para o dia 18 de abril e terá em sua luta principal o duelo entre Khabib Nurmagomedov e Tony Ferguson, pelo título até 70 kg da entidade.

Além de sincronizar seu calendário com o vencedor da disputa pelo título, Gaethje poderia  substituir um dos atletas do main event em caso de lesão, conseguindo assim o seu tão sonhado title shot. O americano teria a seu favor o histórico negativo envolvendo a luta entre Khabib e Tony. Em quatro ocasiões, o combate entre eles foi marcado, mas cancelado por imprevistos com ambos. Ainda que tenha afirmado que não deseja uma lesão para nenhum dos rivais, Justin deixou em aberto a possibilidade.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

“Eu realmente quero que essa luta aconteça (Khabib vs Tony). Não quero desejar nada (ruim), sabe, mas é uma boa data para mirar, para eu estar pronto porque, como sabemos, essa luta tende a ter problemas algumas vezes. Vou lutar um combate de concorrente ao título, contra qualquer um, ou no dia 18 de abril (UFC 249), no co-main event e depois lutar pelo título contra quem ganhar nessa noite”, declarou Gaethje, antes de falar sobre substituir um dos dois protagonistas da luta principal do UFC 249 caso necessário.

“Eu não diria sim ou não para essa questão porque eu não poderia nem treinar para algo dessa magnitude sem ter algo (concreto). Mas eu também estou sempre treinando para esse objetivo, que é o título mundial”, concluiu o americano, de acordo com transcrição do site ‘MMA Junkie’.

Vindo de três vitórias seguidas por nocaute – sobre James Vick, Edson Barboza e Donald Cerrone, respectivamente – Justin Gaethje esperava ser o próximo desafiante ao cinturão peso-leve do UFC contra o vencedor do duelo entre Nurmagomedov e Ferguson. Porém, como já adiantou Dana White, presidente do Ultimate, caso Conor McGregor vença ‘Cowboy’ Cerrone no próximo dia 18 de janeiro, o irlandês – ex-campeão peso-pena (66 kg) e peso-leve da entidade – deve ser o próximo a conseguir o title shot.

Leia também