Juan Branda analisa queda de rendimento do São Paulo no segundo tempo contra o Red Bull Bragantino

·1 minuto de leitura


Após a derrota de virada do São Paulo contra o Bragantino, por 2 a 1, o auxiliar técnico Juan Branda, que substituiu Crespo, afastado por Covid-19, falou sobre a partida e sobre o placar negativo da equipe.


CONFIRA A TABELA ATUALIZADA E SIMULE OS JOGOS DO BRASILEIRÃO DE 2021!

O argentino foi questionado sobre a diferença do rendimento da equipe do primeiro para o segundo tempo. O auxiliar não se aprofundou muito em uma análise, mas afirmou que os gols foram sofridos pelo Tricolor bem no momento que o time tinha o controle da partida.

- A diferença foram os gols. No primeiro tempo fizemos o gol, mas desde isso o Bragantino teve o domínio. No segundo tempo, que começamos com o domínio e com o controle o jogo, tomamos os gols do Bragantino - analisou o auxiliar do São Paulo.

Juan Branda mexeu no time no segundo tempo, mudando a estrutura da defesa. Sem contar com Miranda, que deixou o campo com desconforto muscular, o argentino mexeu no time durante a segunda etapa, passando a jogar em uma linha de quatro defensores e expondo a defesa do time.

A partir dessa alteração, o time sofreu os dois gols e perdeu a partida.

O São Paulo segue sem vencer no Brasileirão. Após nove partidas disputadas, a equipe soma cinco empates e quatro derrotas, conquistando apenas cinco dos 27 pontos já disputados na competição.

Ainda em busca de sua primeira vitória, o time viaja para Porto Alegre no meio da semana, para enfrentar o Internacional, na quarta-feira (7), às 21h30, no Beira-Rio, pela décima rodada do campeonato.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos