Jornal de Marrocos destaca classificação histórica na Copa do Mundo como ‘maior feito árabe’

Marrocos surpreendeu ao vencer a Espanha nos pênaltis nas oitavas (Foto: JAVIER SORIANO / AFP)


A classificação histórica do Marrocos para as quartas de final da Copa do Mundo deu o que falar. A imprensa africana destaca um sentimento de orgulho e classifica a vitória nos pênaltis contra a Espanha como ‘o maior feito árabe’.

Marrocos foi a quarta seleção africana a chegar em uma quartas de final de Copa do Mundo. Antes, Camarões chegou em 1990, Senegal em 2002 e Gana em 2010.

+ Técnico coloca classificação de Marrocos sobre a Espanha na conta de goleiro: 'Um dos melhores do mundo'

Um dos principais jornais esportivos de Marrocos, o ‘Arryadia’ apontou que a ‘linda história do Marrocos continua no Qatar, virando um conto de fadas’. O jornal elogiou o trabalho do técnico Walid Regragui e o destacou com ‘rigor tático e solidez’.

O jornal ainda escreveu que o rei de Marrocos, Mohammed VI, recebeu ligações do Presidente do Estado da Palestina, do Gabão e da Jordânia, parabenizando o feito da seleção.

A classificação é motivo de muito orgulho no país. Após o jogo nesta terça-feira, o rei ligou para os jogadores e para o treinador para parabenizar a conquista da seleção.

Agora, o Marrocos tenta continuar a linda campanha na Copa do Mundo com uma vaga na semifinal. O duelo acontece no próximo sábado, dia 10, às 12h, contra Portugal.