Jorge Salgado, 'venda do futebol' e mudança de sede do Vasco são alvo de protestos

·1 min de leitura


A possibilidade de transformação do futebol do Vasco em sociedade anônima, solicitada na última segunda-feira pelo presidente do clube, Jorge Salgado, já foi alvo de protesto. Na madrugada desta terça para quarta-feira, faixas foram estendidas ao redor de São Januário e nos arredores da atual sede administrativa do clube, no centro.

Inclusive, a transferência de uma das sedes do clube foi criticada - tal mudança se deu há cerca de dez dias. A "Mais Vasco", chapa que Salgado encabeçou para na última eleição, foi outro alvo. Os protestantes entendem que o carro-chefe do clube, o futebol, está sendo vendido. E discordam.

Protesto - Vasco
Protesto - Vasco

Jorge Salgado foi alvo de protesto (Foto: Reprodução de Internet)

Dentro de campo, o Vasco viveu o pior momento esportivo de sua história ao ficar sem chance de acesso à Série A faltando quatro rodadas para o fim da competição. Nos bastidores, o departamento de futebol está acéfalo há três semanas.

Zé Ricardo e Ricardo Gomes estão próximos de voltar ao Cruz-Maltino. Mas isso foi dito pelo mandatário num vídeo. Ele ainda não concedeu entrevistas desde a consumação do fracasso na Série B do Campeonato Brasileiro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos