Jorge Salgado afirma querer estender o empréstimo de Benítez ao Vasco, mas não descarta comprar o meia

Felippe Rocha
·2 minuto de leitura


A posse de Jorge Salgado como presidente do Vasco é só na segunda quinzena do ano que vem, mas como o Cruz-Maltino tem questões urgentes a serem resolvidas, o futuro mandatário veio a público nesta segunda-feira. Da sala dos beneméritos de São Januário, o empresário de 73 anos concedeu uma entrevista coletiva na qual foi abordado sobre assuntos de longo, médio e curto prazo. Alguns curtíssimos, como a permanência de Benítez, cujo contrato vence em dez dias. E a ideia é manter o meia argentino, mas sem asfixiar o clube.

- O assunto Benítez volta e meia vem à baila. Ele assinou contrato de empréstimo até 31 de dezembro e esse é um ano atípico. Já falei com o procurador do Benítez (Adrián Castellanos), e a ideia é tentar estender até o final do Campeonato Brasileiro. Antes disso, qualquer decisão é temerária, por não saber como vamos terminar o campeonato. Obviamente queremos terminar bem. Estamos construindo as bases para contar com esse jogador - garantiu Salgado.

O presidente eleito foi questionado sobre a negociação em três momentos da entrevista. Isso porque embora ele ainda não seja responsável pelo clube, o atual mandatário, Alexandre Campello, fechou um acordo com o Independiente (ARG), que cedeu o atleta, mas optou por não sacramentar o negócio sem o aval do sucessor. E, a poucos dias do fim do vínculo do meia com o Vasco, o final parece que não será feliz para o clube de São Januário.

- Para ser muito sincero, não houve nenhuma sinalização positiva por parte positiva. Isso não é desejo do procurador, mas do presidente do Independiente. Já falei com o empresário a nossa proposta, que é estender o empréstimo. Nada mais justo que o contrato dele se estenda até fevereiro. Ele (empresário) é a pessoa que conversa com o presidente do Independiente e com o jogador. Já tentei falar com o presidente do Independiente duas vezes - afirmou, sem ter sucesso nas tentativas.

-> Confira a tabela do Campeonato Brasileiro

Ficou nítido que a próxima gestão entende que o acordo firmado entre Campello e o Independiente não agrada Salgado. Mas como Benítez é um titular da equipe comandada por Ricardo Sá Pinto, a reportagem do LANCE! questionou o próximo presidente do Vasco sobre a possibilidade de comprar o jogador, se um empréstimo não for possível - o clube argentino já sinalizou que não deseja ceder o atleta novamente por um período temporário.

- Já coloquei minha opinião. Contratos devem ser prolongados, é questão lógica. Se o campeonato foi adiado, o empréstimo também deveria ser. Gostaríamos de comprar o Benítez. Vamos tentar realizar a compra do Benítez, mas é preciso ter o pé no chão, conversar com o presidente do Independiente e ver o fluxo de caixa do Vasco. O Benítez é prioridade, mas tem outras prioridades também. É um jogador que se encaixou. O que for possível nós vamos fazer - decretou.