Jorge Jesus volta a falar do Flamengo e destaca ponto que clube partilha com Real Madrid e Barcelona

Antonio Mota
·1 minuto de leitura

O Benfica suou, mas conseguiu uma importante vitória contra o Santa Clara, no Estádio da Luz, na tarde da última segunda-feira (26), pela 29ª rodada da Liga NOS. Após o apito final, Jorge Jesus concedeu uma entrevista coletiva e voltou a falar do Flamengo ao destacar o quanto a falta de público nos estádios tem afetado negativamente os Encarnados.

“É um fenômeno do futebol mundial. Real Madrid, Barcelona, Flamengo, Benfica e outras equipas que têm grandes massas associativas sofrem todas do mesmo problema desde que não há público. Tem a ver com a forma como olhamos emocionalmente para o jogo”, declarou o Mister, emendando:

Estamos habituados a ter 60 ou 70 mil pessoas e o adversário olha para o jogo e sabe que não tem 60 mil pessoas. Não jogam, mas têm influência no jogo, que ninguém duvide. A todos os níveis.completou.

A Nação Rubro-Negra abraçou Jorge Jesus. | Buda Mendes/Getty Images
A Nação Rubro-Negra abraçou Jorge Jesus. | Buda Mendes/Getty Images

Por fim, Jorge Jesus destacou que o Benfica teve mais facilidade do que Porto, Sporting e Braga – times que ocupam o pelotão de frente do Campeonato Português – para vencer o Santa Clara. “Podia ter falado do Santa Clara, que perdeu no último minuto para o Porto, no último segundo com o Sporting e com o Braga”.

“Hoje, com o Benfica não foi a mesma coisa. Sofreu o 2 a 1 aos 70 e poucos minutos, mas foi uma equipe que disputou o jogo. Mas este não é um fenômeno do futebol português”, concluiu o Mister.

As informações acima são da ESPN Brasil.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique aqui.