Joia alemã da Copa, Moukoko é acusado de adulterar idade

Jogador do Borussia Dortmund e da seleção da Alemanha teria 22 anos e não 18 como informado na federação alemã

Youssoufa Moukoko é considerado um dos jovens promissores do futebol alemão. Foto: Ulrik Pedersen/DeFodi Images via Getty Images
Youssoufa Moukoko é considerado um dos jovens promissores do futebol alemão. Foto: Ulrik Pedersen/DeFodi Images via Getty Images

O sinal de alerta foi ligado na Europa com a suspeita de que a estrela do Borussia Dortmund, Youssoufa Moukoko, estaria envolvida na tempestade de idade que abalou o futebol camaronês.

Moukoko, que nasceu em Yaoundé, Camarões, antes de se mudar para a Alemanha em 2014, onde foi adotado, teria 22 anos e não 18, segundo alegações na Alemanha.

Leia também:

Newcastle United e Chelsea estão entre os clubes que têm interesse no atacante, mas os times da Premier League estão prontos para desistir das negociações após os desenvolvimentos em uma investigação sobre fraude de idade do jogador.

Na semana passada, a seleção sub-17 de Camarões se preparava para disputar as eliminatórias da África Central para a Copa das Nações neste mês, quando foi constatado que 21 dos 30 jogadores da equipe falharam nos testes de idade.

Novos jogadores foram rapidamente convocados pelo técnico Jean Pierre Fiala, mas novamente descobriu-se que 11 dos novatos também fraudaram a idade.

Agora, foi alegado na Alemanha que uma certidão de nascimento datada do ano 2000 com o nome Yousouffa Mohamadou e atribuída ao atacante do Dortmund Moukoko foi descoberta em 2022.

A federação alemã não quis comentar a situação, mas vale lembrar que em 2017, a entidade negou enfaticamente qualquer ilegitimidade em relação à documentação do jogador, que lista sua data de nascimento em 20 de novembro de 2004.

Nesse mesmo ano, Timo Preus, treinador da equipe Sub-23 do Dortmund, disse em entrevista que suspeitava sobre a idade do jogador.

“Talvez na realidade ele seja um ou dois anos mais velho. Mas certamente ele não tem 17 anos. Para ele isso é muito difícil. Não há nada para culpá-lo, o menino não está trapaceando nem nada.'

A fraude de idade tem sido uma preocupação de longa data para o futebol africano, com muitos de seus sucessos internacionais nas categorias de base obscurecidos por alegações de jogadores maiores de idade.

Acusações têm sido feitas regularmente, mas aparentemente tem havido pouca tentativa de investigar por parte das autoridades.