Johny Hendricks garante que só luta de novo quando valer cinturão

Fernando Arbex

Vindo de cinco vitórias seguidas, Johny Hendricks não quer lutar de novo antes de disputar o título dos pesos meio-médios do Ultimate (categoria até 77Kg). Apesar de Firas Zahabi, o treinador do campeão Georges Saint-Pierre, achar que Nikc Diaz é o desafiante número um da divisão, o ex-wrestler universitário norte-americano pensa que agora é a vez dele.

“Não vou lutar a não ser que seja pelo cinturão. Nada mais me interessa. Minhas últimas três lutas foram contra caras entre os cinco melhores da categoria. Eu dei o meu recado. Minha moral está realmente alta agora e a única coisa que falta é uma chance por esse cinturão. Eu quero muito. São situações que não aparecem sempre e eu sinto que fiz o suficiente para merecer uma chance, é nisso que estou pensando nesse momento. Estou treinando por um combate de cinco rounds e é isso”, sentenciou Hendricks, em entrevista à rádio do site MMA Junkie.

O lutador aproveitou para deixar claro que não está gostando de ser evitado por GSP ou pela equipe do canadense. “Ele está tentando tirar dinheiro das minhas crianças. Se eu vencê-lo e conquistar esse cinturão, minha vida muda. Ele está tentando não me dar uma chance justa. Fico louco em pensar que um cara está controlando o meu futuro. Isso me faz querer vencer ainda mais. È como se dissessem ‘achamos que não podemos batê-lo, mas acho que podemos derrotar Nick Diaz’. É como soa para mim”, concluiu Hendricks.

Exibir comentários (1)
  • Argel Fucks crê em título: "Futebol não é como começa, é como termina"

    O Figueirense não aproveitou o fator casa neste domingo e empatou em 0 a 0 com o Joinville na primeira partida da final do Catarinense. Agora, os adversários jogam na Arena por outro empate para conquistarem o título. Porém, o técnico alvinegro, Argel Fucks, minimizou a vantagem rival e mostrou acreditar num bom resultado longe de Florianópolis. Mais »

    Gazeta Press - 6 minutos atrás
  • Com agenda cheia, Seleção Brasileira de judô disputa Grand Prix de Zagreb

    Após o ótimo desempenho no Campeonato Pan-Americano de Edmonton (Canadá), onde conquistou 18 medalhas, o judô brasileiro foca na disputa do Grand Prix de Zagreb, na Croácia, no próximo final de semana (de 1 a 3 de maio). Como a delegação que esteve em Edmonton só retorna ao país nesta segunda, o Brasil será representado por quem não esteve representando a seleção no Pan-Americano. Mais »

    Gazeta Press - 8 minutos atrás
  • Reunião define 3,5 mil ingressos para gremistas no Beira-Rio

    Se dentro de campo a disputa pelo título gaúcho é intensa, fora dele as direções de Grêmio e Internacional seguem dialogando em clima de paz. Após reunião nesta segunda-feira, a direção colorada garantiu que os gremistas terão direito a 3,5 mil ingressos para o clássico decisivo do estadual, domingo que vem, no Beira-Rio. Com isso, os tricolores terão o mesmo número de entradas disponíveis que os colorados tiveram no jogo disputado na Arena, neste domingo. Mais »

    Gazeta Press - 21 minutos atrás
  • Sem Tite, CBF promove encontro de técnicos; Felipão retorna à sede

    Nesta segunda-feira, a Confederação Brasileira de Futebol promoveu o primeiro encontro de técnicos de Série A. Estiveram presentes 17 dos 20 comandantes dos clubes da elite, Tite, do Corinthians, Argel Fucks, do Figueirense, e Milton Mendes, do Atlético-PR foram as baixas na reunião. Felipão retornou pela primeira vez à sede da entidade, após o desligamento da Seleção Brasileira. Mais »

    Gazeta Press - 25 minutos atrás
  • São Paulo se reapresenta e usa bola em trabalho físico sem Milton

    Após dois dias de folga, o elenco do São Paulo se reapresentou e reservou a tarde desta segunda-feira para um trabalho físico com bola. A atividade foi comandada exclusivamente pelo preparador físico José Mário Campeiz, já que o interino Milton Cruz viajou ao Rio de Janeiro para um congresso de treinadores organizado pela Confederação Brasileira de Futebol. Mais »

    Gazeta Press - 25 minutos atrás