Jogos Olímpicos de Tóquio acontecerão independente da evolução do coronavírus

·1 minuto de leitura
Os organizadores e funcionários do governo insistem que os Jogos Olímpicos acontecerão este ano

Os Jogos Olímpicos de Tóquio previstos para julho, acontecerão "independente do que aconteça" com a pandemia, afirmou nesta terça-feira o presidente co Comitê Organizador, Yoshiro Mori, em uma tentativa de acabar com as dúvidas a respeito do evento esportivo, que foi adiado em 2020.

"Com certeza vamos seguir adiante, independente da evolução da pandemia", afirmou em uma reunião entre o Comitê e políticos japoneses.

"Devemos ir além da discussão sobre se vamos organizar ou não. É sobre como vamos fazer. Vamos pensar em um novo tipo de Olimpíada para esta ocasião", acrescentou.

As declarações aconteceram no momento em que os organizadores e altos funcionários do governo insistem que os Jogos Olímpicos podem acontecer, apesar do aumento de casos de covid-19 no mundo, incluindo o Japão.

O primeiro-ministro japonês Yoshihide Suga deve anunciar nas próximas horas a prorrogação por um mês, até 7 de março, do estado de emergência em Tóquio e outras regiões do país devido à pandemia.

O endurecimento das restrições para entrar no Japão forçou o adiamento do primeiro evento do ano vinculado aos Jogos Olímpicos.

Programado para acontecer de 4 a 7 de março em Tóquio, o pré-olímpico de nado sincronizado, que reuniria atletas de 10 países, acontecerá de 1 a 4 de maio no Centro Aquático da capital japonesa.

nf-sah/th/bl/pc/fp