Jogos Olímpicos: Arthur Zanetti pode se tornar o primeiro a conquistar três medalhas consecutivas nas argolas

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


O brasileiro Arthur Zanetti, aos 31 anos, pode conseguir um feito histórico nos Jogos Olímpicos. Ouro em Londres-2012 e prata na Rio-2016 nas argolas, ele pode se tornar o primeiro ginasta a conquistar medalhas em três Olimpíadas consecutivas neste aparelho, já que está na final em Tóquio-2020. As decisões das provas da ginástica começam na madrugada desta segunda-feira, às 5h (horário de Brasília).


+ Tem ouro de Rebeca! Confira todas as medalhas do Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio


Um dos favoritos ao pódio, Zanetti tentará desbancar outros candidatos fortes: Eleftherios Petrounias, da Grécia, e Liu Yang, da China. O grego, inclusive, foi quem superou o brasileiro nas Olimpíadas do Rio.

Arthur Zanetti é um dos principais nomes da ginástica brasileira. Ele foi o primeiro atleta do Brasil a conquistar uma medalha em um aparelho da modalidade em Jogos Olímpicos, sendo uma das referências no esporte. Em entrevista ao LANCE!, em 2019, ele comentou sobre como seu desempenho em Tóquio pode definir o futuro de sua carreira.

+ Vem recorde? Veja os fortes candidatos a medalha para o Brasil na segunda metade dos Jogos Olímpicos
+ Torcem para quem? Saiba o time do coração de diversos atletas brasileiros dos Jogos Olímpicos de Tóquio

Veja abaixo o quadro de medalhas e calendário dos Jogos Olímpicos de Tóquio:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos