Jogo na Dinamarca é interrompido após torcida jogar rato morto em atleta

Uma cena muito inusitada interrompeu uma partida de futebol na Dinamarca, nesta segunda-feira. Brondby e Copenhagen, dois dos maiores times do país, se enfrentavam em duelo da Superliga Dinamarquesa, quando torcedores do Brondby arremessaram ratos mortos em direção a um jogador da equipe adversária, fazendo com que a partida fosse interrompida.

Ludwig Augustinsson, jogador do Copenhagen, se preparava para bater um escanteio quando foi atingido por ratos mortos, arremessados por torcedores do Brondby. O juiz interviu e interrompeu a partida, pedindo auxílio da polícia local. Os jogadores foram obrigados a chutar os animais para fora do gramado para que o jogo fosse reiniciado.

A partida terminou com a vitória do Copenhagen pelo placar de 1 a 0. A equipe é a líder da Superliga Dinamarquesa, enquanto o Brondby ocupa a segunda posição.

As duas equipes são rivais há anos e possuem histórias de conflito entre as duas torcidas. A distância das sedes dos clubes é de apenas 11 quilômetros.

No último domingo, durante partida entre Lyon e Bastia, válida pelo Campeonato Francês, torcedores do Bastia entraram em conflito com jogadores do Lyon em duas oportunidades, e a partida foi cancelada após o término do primeiro tempo. O Bastia corre o risco de sofrer uma punição severa dos organizadores do Campeonato Francês.