Jogo 100 no Centenário: Christian quer fazer história do Athletico Paranaense

·2 min de leitura


O Athletico Paranaense busca o bicampeonato da Copa Sul-americana. A equipe comandada por Alberto Valentim faz a final do torneio neste sábado no Estádio Centenário, em Montevidéu, contra o Red Bull Bragantino, às 17h (de Brasília).

O Furacão terá o 'Piá do Caju', Christian, destaque em algumas estatísticas do clube no torneio, à disposição. Com apenas 20 anos, Christian está na segunda temporada como profissional no Athletico e próximo de completar 100 jogos pelo clube - atualmente, com 99 partidas. Um número que pode casar muito bem com o local mais almejado pela torcida rubro-negra nos últimos meses: ele pode chegar à marca centenária justamente na decisão.

– Nem nos meus melhores sonhos imaginaria atingir essa marca num dia especial com o clube. Dia de uma final internacional. Completar 100 jogos com a camisa do Athletico Paranaense, clube que abriu as portas e acreditou em mim, é muito especial e inesquecível. Espero que dê tudo certo neste jogo que será duro e decidido nos detalhes - afirmou.

Em 2021, Christian vive a temporada de maior brilho, principalmente, na Copa Sul-Americana, em que foi um dos responsáveis pela campanha que guiou o Athletico Paranaense até a grande final.

Ao todo, Christian participou de 10 jogos da campanha, marcou três gols e deu duas assistências. O piá precisa de 209 minutos para marcar um gol, sendo o segundo com melhor índice do grupo. Já em relação ao setor defensivo, é o terceiro que mais desarmou pelo Athletico em toda Sul-Americana, com uma média de 1,5 desarmes por jogo.

O grande jogo

Nas quartas de final, contra a LDU-EQU, o Athletico perdeu o primeiro jogo por 1 a 0, fora de casa. Na volta, Na Arena da Baixada, o adversário até saiu na frente, complicando a situação do Furacão. Christian fez dois gols no jogo e iniciou a virada da equipe. Ele ainda sofreu o pênalti convertido pelo companheiro de time, Bissoli, dando números finais a partida com o Athletico vencendo o duelo por 4 a 2, conquistando a classificação para as semis.

Naquela noite, foi realizada a profecia do irmão de Christian, que antes do jogo contou que ele marcaria os gols e ainda sofreria pênalti. Sem contar que ele é o dono da camisa 39 na Sul-Americana, número eternizado pelo meio-campo Bruno Guimarães, atualmente no Lyon (FRA), campeão da competição pelo Athletico em 2018.

– Vamos preparados e com muito foco e concentração em busca desse título importante para o Athletico. Vamos tentar escrever mais um belo capítulo na história do clube - disse.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos