Jogadores e dirigentes do América-MG lamentam morte de Jair Bala

Corpo do ex-atleta será velado na Arena Independência, estádio do Coelho, em Belo Horizonte -  (Foto: Divulgação/América-MG)


O futebol mineiro perdeu, nesta terça-feira, um dos seus grandes nomes. Sexto maior artilheiro da história do América-MG, o ex-jogador Jair Bala morreu aos 79 anos de idade. O ex-atleta e treinador recebeu homenagens de Atlético-MG e Cruzeiro, além de jogadores e dirigentes do Coelho.

Em suas redes, a equipe americana divulgou uma série de depoimentos de personalidades do time verde e preto. Juninho, atual capitão do Coelho, e Marcus Salum, presidente do América SAF, falaram.

+ Novidade no ar! Acompanhe as últimas negociações do Galo no mercado da bola

- Que Deus conforte e fortaleça o coração de todos, né? De todos que admiravam ele (Jair Bala), principalmente os familiares, as pessoas mais próximas. O que ameniza um pouquinho essa dor é saber que a trajetória dele foi concluída aqui na Terra com sucesso - disse o volante americano.

- Hoje é um dia de luto para toda família americana. Morreu nosso ídolo, nosso craque, Jair Bala. Jair não representou só um craque dentro de campo, ele representou nossa imagem, como jornalista, como torcedor, como comentarista e como treinador. Dentro de campo, para mim, o maior jogador que vestiu a camisa do América. Morreu o meu ídolo, Jair Bala - lamentou Salum.

Richarlison, atacante do Tottenham e da Seleção Brasileira, foi outro que prestou homenagem. O jogador foi revelado pelo Coelho, e atuou em Minas Gerais, antes de se transferir para o Fluminense, no fim de 2015.

O corpo do ídolo americano será velado nesta quarta-feira, na Arena Independência, em Belo Horizonte. A cerimônia será aberta ao público, e acontecerá das 9h30 às 15h. O sepultamento será reservado à família do ex-jogador.