Jogadores destacam busca pelo empate em clássico

O Vasco arrancou o empate no clássico contra o Flamengo em pênalti polêmico marcado pelo árbitro Luiz Antonio Silva Santos. Os cruzmaltinos preferiram minimizar o lance e exaltar o desempenho da equipe em buscar o resultado com um homem a menos, após a expulsão de Luís Fabiano. O lateral direito Yago Pikachu, que marcou o primeiro gol vascaíno na partida, mira a classificação às finais do Estadual.

“Estou muito feliz por este momento, pela oportunidade que o treinador tem me dado. Tenho que agradecer ao grupo, que está de parabéns pelo empenho. Jogar com um homem a menos e buscar o resultado mostra a força do nosso grupo. Espera que possamos continuar nesta pegada para conquistarmos logo a classificação”, disse.

O lateral esquerdo Henrique lembrou que o Vasco estava bem até a expulsão.

“Acho que fizemos um bom primeiro tempo, não deixando o Flamengo criar qualquer tipo de jogada. Criamos muito no ataque, tanto que fomos para o intervalo com a vantagem no placar. No segundo tempo, pelas circunstância do jogo, tomamos o gol e demos uma desestabilizada. O mais importante foi que a equipe não mudou de postura e manteve o que foi treinado. Pressionamos e fomos premiados com o gol de pênalti do Nenê”, declarou.

O Vasco volta a campo nesta quinta-feira, quando recebe o Boavista, em São Januário. Os cruzmaltinos precisam da vitória para manter a chance de classificação não só para as semifinais da Taça Rio como também do Campeonato Carioca. Com seis pontos, os vascaínos estão em quarto no grupo C. Já na luta pelo Estadual, a equipe segue na terceira posição, mas seguido de perto por Nova Iguaçu, Botafogo, Madureira e Volta Redonda.

Para o duelo contra o Boavista, o técnico Milton Mendes será obrigado a mudar a equipe, coisa que não aconteceu desde sua chegada. O atacante Luís Fabiano e o volante Jean estão suspensos. Para o ataque, a tendência é a de que Thalles volte a ser escalado entre os titulares. No meio, o comandante tem algumas opções como Bruno Gallo, Julio dos Santos e Evander.