Jogadores acreditam que Fla criou bastante contra o Vasco e pedem foco no Atlético-PR

Ao ser eliminado da Taça Rio ao empatar com o Vasco em zero a zero, o Flamengo chegou ao quarto jogo seguido sem vitória na temporada. Foram quatro empates contra o Vasco, em duas oportunidades, Fluminense e Volta Redonda. Uma clara queda de rendimento da equipe num momento crucial do primeiro semestre.

Quando analisamos os últimos jogos do time Rubro-Negro percebemos uma mudança significativa na forma de jogar. Antes, o time de Zé Ricardo girava mais a bola na busca por espaços, tinha paciência, velocidade e verticalidade. O Flamengo deste sábado, por exemplo, abusou, mais uma vez, das bolas alçadas na área.

Uma clara dificuldade em penetrar na defesa vascaína que foi bem montava pelo técnico Milton Mendes, jogando com a vantagem do empate, o Vasco não acelerou o jogo e esperou o adversário. Para Gabriel, porém, o Flamengo criou muitas oportunidades.

Guerrero e Rodrigo - Flamengo x Vasco - 8/04/2017

(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

"Eu acho que faltou a gente fazer o gol, só. Criamos bastante pelo meio tanto com o Guerrero quanto pelas pontas chegamos também e infelizmente não fizemos os gols mas acho que a equipe criou bem. Fomos superiores sim, até os 30 do primeiro tempo tivemos dificuldades para entrar mas depois tomamos conta do jogo e o Martin foi muito bem, fechou o gol deles".

Os quatro jogos sem vitória parecem que não são uma preocupação para o atacante que lembrou a série invicta do time no Campeonato Carioca.

"São quatro jogos sem vencer mas estamos muitos sem perder também, se for contar estamos invictos no Carioca e é manter dessa forma, se chegarmos assim na final a gente vai ser campeão".

Rodinei também acredita que o Flamengo criou bastante durante o jogo e analisou de forma positiva o duelo contra o Vasco, ele também pediu foco no jogo contra o Atlético-PR, pela Copa Libertadores.

"A gente criou bastante, trabalhamos durante a semana todas as jogadas. Falta chegar na frente do gol e concluir melhor, acho que na quarta-feira vai ser melhor. O Maracanã vai estar lotado como foi contra o San Lorenzo, o Atlético-PR vai vim com o jogo deles mas vamos em busca da vitória para conseguir a classificação na Libertadores".

Contra o Vasco, o Flamengo chutou oito bolas em direção ao gol, realizou 30 cruzamentos e não teve nenhum drible certo. Na quarta-feira, o Rubro-Negro vai precisar de um futebol mais convincente para conquistar a importante vitória dentro de casa.