Jogador do Bahia faz gol, tira a camisa e é expulso aos 12 minutos

·1 min de leitura

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O lateral direito Douglas Borel, do Bahia, precisou de apenas 12 minutos para ir de herói a vilão no jogo contra o Náutico, na noite desta sexta-feira (15), pela Série B do Campeonato Brasileiro. Isso porque o jogador acabou expulso após tirar a camisa para comemorar o gol do triunfo baiano, por 1 a 0, no estádio dos Aflitos.

Douglas Borel recebeu o primeiro cartão amarelo aos dois minutos do primeiro tempo, ao puxar um jogador do Náutico na lateral do campo. Dez minutos mais tarde, o lateral se empolgou ao marcar seu gol e tirou a camisa na comemoração.

Pela celebração, o jogador foi advertido com novo cartão amarelo e, consequentemente, o vermelho. Douglas Borel ainda levou uma bronca do companheiro Danielzinho.

Nem o streamer Casimiro perdoou o lateral do Bahia.

"Pô, o jogador do Bahia fez o gol, tirou a camisa e tomou o amarelo. O problema é que ele já tinha amarelo e foi expulso. O problema é que o primeiro amarelo foi com 2 minutos de jogo e o gol foi aos 12 do primeiro tempo. Que coisa fantástica!", escreveu no Twitter.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos