Jogador é suspenso por quatro anos e cinco meses após joelhada em árbitro

Marco Gonçalves, do Canelas Gaia, clube da AF Porto Divisão de Elite, ainda terá que pagar uma indenização de 4125 euros (R$ 14 mil) à vítima

O Canelas Gaia, de Portugal, ficará sem seu camisa 10 por um bom tempo. O jogador Marco Gonçalves foi suspenso por quatro anos e cinco meses, após ser julgado pela Comissão de Disciplina por uma joelhada no árbitro José Rodrigues, durante um jogo realizado em Rio Tinto, no dia 2 de abril.

Segundo informações do jornal "A Bola", o jogador ainda terá que pagar uma indenização ao árbitro de 4.125 euros (R$ 14 mil). Além de 20% desse valor para a AF Porto Divisão de Elite, divisão distrital, onde joga o Canelas Gaia.

O clube, por sua vez, perdeu os pontos da partida e terá que pagar uma indenização ao Rio Tinto num valor de 1.605 euros (R$ 5 mil), mais 20% desse valor a AF Porto. Além desses valores, o clube terá que pagar uma multa de 400 euros (R$ 1 mil).



E MAIS: