João Paulo é um goleiraço e foi nota 10 na classificação do Santos

·1 minuto de leitura
João Paulo teve uma atuação espetacular contra o Independiente. Foto: Marcello Zambrana/AGIF
João Paulo teve uma atuação espetacular contra o Independiente. Foto: Marcello Zambrana/AGIF

Comentei a classificação do Santos para as quartas-de-final da Copa Sul-Americana e fiquei impressionado com a atuação do goleiro João Paulo contra o Independiente. Há muito tempo, não via tantas defesas maravilhosas num confronto entre grandes times. João Paulo já tinha mostrado muito talento, quando assumiu a condição de titular. Depois, alternou a posição com Jhon, preferido de Cuca e Fernando Diniz. 

No jogo que deu a vaga ao Santos, João Paulo acabou com qualquer debate. Em dois momentos, lembrou o lendário Rodolfo Rodriguez, com defesas à queima-roupa em cabeceios dos adversários. Num dos lances, ainda afastou um atacante argentino que estava na sua frente. Foi sensacional. levou nota Dez na minha cotação. 

Não sei se o Santos será campeão do torneio ou se vai levar a Copa do Brasil, mas a única certeza é que o Santos começa muito bem pelo goleiro. João Paulo só precisa melhorar suas saídas nas bolas aéreas, porque embaixo das traves já está consolidado, aos 26 anos. 

É verdade que João Paulo não pode ser o melhor em campo sempre, sob pena do Santos ser derrotado. Fernando Diniz pode esquecer um pouco suas convicções, fechando espaços e encorpando o sistema defensivo, quando o resultado lhe beneficiar. O trabalho pode render, se houver ajustes. 

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos