Jhonny Walker, Jéssica 'Bate-Estaca' e 'Durinho' dão show em card principal do UFC 283


Os brasileiros iniciaram muito bem o card principal do UFC 283, no Rio. Com o apoio massivo do público, eles passaram por cima dos adversários. Nos meio-pesados, Johnny Walker derrotou Paul Craig, por nocaute técnico. Jessica Bate-Estaca superou Lauren Murphy, por decisão unânime. No meio-médio, Gilbert Durinho venceu Neil Magny por finalização, no primeiro round.

+ Josiane Nunes, Ismael Bonfim e Jailton Almeida brilham em card preliminar do UFC 283

Johnny Walker x Paul Craig
Johnny dominou o seu combate do início ao fim. Com chutes de longa distância, abusando da sua envergadura, anulou a tática de Paul Craig. Sem saber o que fazer, o escocês acabou errando em sua estratégia e tentou parar os golpes de perna do brasileiro as segurando. O plano não deu nada certo e, em um descuido, acabou sendo muito golpeado na cabeça por Walker. Os fortes socos só foram interrompidos pelo juiz, que declarou vitória por nocaute técnico de Johnny Walker, no primeiro round. O brasileiro chega ao top 10 dos meio-pesados.

Jhony Walker
Jhony Walker

Jhonny Walker brilhou contra escocês no UFC 283 (MAURO PIMENTEL/AFP)

Jéssica "Bate-Estaca" x Lauren Murphy
Jéssica Andrade, a Bate-Estaca, foi para cima da norte-americana Lauren Murphy. A ex-campeã das pesos-palha impôs o seu estilo de combate em pé e não deixou a adversária levar o combate para o solo, na maior parte do combate. Desferindo golpes pesados no rosto de Murphy a brasileira predominou por toda a luta. Os fortes e precisos socos cruzados não conseguiram derrubar a norte-americana. No entanto, foram mais que suficientes para confirmar a vitória da brasileira por decisão unânime.

+ Evento do UFC no Rio tem venda de 'cinturão banhado a ouro'; veja o preço

Gilbert "Durinho" x Neil Magny
Muito seguro do seu estilo de luta, Gilbert Durinho não deu espaço para Magny e encurralou o adversário no octógono. Aplicando um mata-leão ele derrotou o veterano norte-americano na reta final do primeiro round, por submissão.

Gilbert Durinho
Gilbert Durinho

Durinho venceu duelo neste sábado no UFC 283 (MAURO PIMENTAL/AFP)