Jejum de Cano, concentração defensiva e possíveis novidades: o que observar no Vasco contra o Avaí

·1 minuto de leitura


Após um empate repleto de problemas relativos ao Vasco e à arbitragem, o Vasco encara o Avaí para voltar a vencer. Mas, para isso, há fatores no time a serem observados. Confira abaixo:

- Jejum do artilheiro: o Cruz-Maltino é amplamente dependente de Cano desde o ano passado. O centroavante argentino é o farol do ataque vascaíno, mas anda numa fase tão pouco inspirada que até pênalti perdeu no último jogo.

- Daniel Amorim: conscientemente reserva de Cano, é um dos poucos jogadores do Vasco com saldo positivo de aproveitamento por minutos. Diante da necessidade vascaína e da fase do titular, pode ganhar mais chance.

- Concentração defensiva: o Vasco teve a defesa inviolada contra a Ponte Preta, duas rodadas atrás. Diante do Brasil de Pelotas, os problemas no setor reapareceram com a falha capital de Vanderlei. E nesta segunda-feira, como será?

-> Confira a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro

- Alterações táticas: diante das seguidas dificuldades, seja para converter as chances, seja para se proteger, é possível que Lisca faça alterações táticas ou substituições. A ver.

- À espera de Walber e Jhon: diante das contratações recentes, o jogo desta segunda-feira deverá ser o último para um dos zagueiros e um dos pontas como titulares.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos