Jean se despede do Cruzeiro e fala em decepção com pessoas no clube

Valinor Conteúdo
·2 minuto de leitura


A saída do volante Jean no Cruzeiro não agradou ao jogador, que foi devolvido pela Raposa ao Palmeiras na última semana. A passagem do jogador por Minas durou pouco, com apenas nove jogos e um gol em sete meses. A baixa produção pode ser creditada aos recorrentes problemas físicos do meio de campo.

A cirurgia que terá de fazer no joelho esquerdo também ajudou a abreviar seu tempo no Cruzeiro. Todavia, Jean deixou na sua mensagem de despedida da Raposa algumas falas de insatisfação com algumas pessoas do clube mineiro. Porém, sem citar ninguém diretamente.

- Infelizmente, não foi como eu esperava, mas tudo na vida serve como aprendizado. Desde os meus primeiros dias em Belo Horizonte, eu e minha família fomos extremamente bem tratados por todos e jamais nos esqueceremos do carinho que recebemos dessa cidade encantadora. Meu principal objetivo era ajudar a equipe a se reconstruir e voltar para o lugar de onde nunca deveria ter saído. Infelizmente, surgiram obstáculos pelo caminho e me surpreendi, negativamente, com algumas pessoas. É a vida! Apesar de ter saído chateado, volto para São Paulo com um sentimento de gratidão pelo Cruzeiro-postou em sua conta no Instagram.

Fazendo política da boa vizinhança com o clube, o jogador agradeceu o tempo no time celeste e desejou que volte para o lugar de onde nunca deveria ter saído, a elite nacional.

- À instituição Cruzeiro, muito obrigado pela oportunidade. Espero, de coração, que o clube possa se reerguer. Aos torcedores e ao povo mineiro, eu e minha família deixamos um grande abraço por todo o carinho que nos deram-disse, que também agradeceu ao Palmeiras por abrir as portas para fazer o seu tratamento.

- Como a vida é feita de surpresas boas e ruins, me surpreendi, positivamente, com o Palmeiras. Prontamente, o clube abriu as portas para o meu retorno e disponibilizou toda a estrutura para que eu pudesse me recuperar da melhor maneira possível. Como eu falei, a vida é um eterno aprendizado e sigo aprendendo a cada dia, sempre com muita hombridade, profissionalismo e honestidade- concluiu Jean, que tem contrato com o Palmeiras até 31 de dezembro deste ano.