Japonês que deu a vitória contra a Alemanha foi dispensado do Arsenal em 2016

Japonês Asano fez o gol da vitória contra a Alemanha, mas foi dispensado do Arsenal há seis anos (Foto: Mark Metcalfe - FIFA/FIFA via Getty Images)
Japonês Asano fez o gol da vitória contra a Alemanha, mas foi dispensado do Arsenal há seis anos (Foto: Mark Metcalfe - FIFA/FIFA via Getty Images)

Quando o japonês Takuma Asano recebeu o lançamento de Tomiyasu, já parecia que seria um lance especial. Ele partiu em velocidade nas costas da zaga alemã e chutou no único canto que Neuer não fechava para garantir o 2 a 1 no placar. Virada histórica, muita comemoração e boas histórias.

Ele foi um dos jogadores que entrou somente no segundo tempo. Na vida, inclusive, Asano passou por um momento delicado quando se transferiu para o Arsenal, do Campeonato Inglês, em 2016. Ele teve de ser dispensado do time por conta de problemas no visto de trabalho, embora tenha sido pedido por Arsène Wenger.

Leia também:

Na época, o lendário técnico francês disse que Asano era um "jovem atacante talentoso" e alguém "para se prestar atenção no futuro". As coisas não deram certo e a carreira do jogador, hoje com 28 anos, saiu um pouco do eixo.

Ele foi emprestado para Sttutgart e Hannover, da Alemanha, e não entrou em campo pelo Arsenal. Em 2019, Asano completou uma transferência para o Partizan, da Sérvia, e hoje joga no Bochum, da Alemanha.

Asano teve de se recuperar para jogar na Copa do Mundo por conta de uma lesão no joelho, sofrida em setembro. Ele era dúvida, mas foi bancado pelo técnico e mostrou que a aposta valeu a pena.