Japão escolhe piso rápido para enfrentar o Brasil na Copa Davis

Nesta terça-feira, a Federação Internacional de Tênis (ITF) anunciou que o Japão decidiu o piso no qual enfrentará o Brasil pelos playoffs da Copa Davis, que serão realizados entre 15 e 17 de setembro. A escolha dos asiáticos foi pela quadra rápida.

Brasil e Japão se enfrentarão pela primeira vez pela Copa Davis, e o duelo será realizado em Osaka, local que já recebeu a seleção local nos últimos jogos do torneio, que marcou a vitória dos japoneses sobre a Ucrânia por 5 a 0.

A escolha do piso duro e descoberto favorece os donos da casa, que são acostumados a ele. Já os brasileiros podem ter alguma dificuldade, uma vez que são especialistas no saibro e, em nove confrontos no piso rápido, venceram apenas um, contra o Equador, em julho do ano passado.

E esta não é a única dificuldade que a equipe brasileira pode enfrentar. Um dos principais tenistas da atualidade, Kei Nishikori, ainda não está confirmado, mas pode defender o time japonês na disputa. O atleta é o atual número 7 do ranking mundial.

O Brasil tenta retornar ao Grupo Mundial da competição, após deixar a chave em 2015. O Japão, por sua vez, busca se manter na categoria, onde está desde 2013.