Jairzinho confia em evolução com John Textor e prevê Brasileirão sem sustos ao Botafogo

Jairzinho é um dos maiores ídolos do Botafogo (Foto: Vítor Silva/Botafogo)


John Textor tem a aprovação de Jairzinho. Um dos maiores ídolos da história do Botafogo, o ex-atacante afirmou, em entrevista exclusiva ao LANCE!, que vê um horizonte positivo ao clube com a presença do norte-americano e a SAF.

+ Textor provoca Flamengo e reclama de árbitro em empate do Botafogo no sub-20

O Furacão da Copa de 70 ainda não crava nada sobre metas ou títulos que podem chegar no futuro, mas considera que há um trabalho sendo desenvolvido. Além disso, acredita que o Alvinegro passa sem sustos no Brasileirão. O Glorioso enfrenta o Flamengo neste domingo, pela 5ª rodada.

– Ainda é muito primário dar uma decisão em relação ao comportamento do John Textor e sua empresa, mas, pelo primeiro jogo do Botafogo com a presença dele, o time já demonstrou uma melhoria, inclusive por trazer alguns jogadores que o clube precisava ter para se fortalecer. A tendência é que o Botafogo só cresça dentro da competição (Brasileirão). Isso é bom para o time e para o futebol carioca. Espero que, no jogo contra o Flamengo, o Botafogo apresente uma evolução, e que possa alegrar o torcedor botafoguense - afirmou o ídolo.

Para o Furacão, a prioridade deve ser melhorar o conjunto para então pensar em evoluir a parte individual. Vale lembrar que o Botafogo contratou 12 jogadores e gastou mais de R$ 60 milhões na primeira janela com John Textor.

– Está existindo uma evolução do plantel, tática e do coletivo. Com a evolução do coletivo, a individualidade consequentemente aparece, não citando qual jogador, mas sim, os jogadores que procuram jogar taticamente, disciplinados, e assim fazer a diferença pela inteligência técnica de atuação - completou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos