Jadson admite surpresa com placar e lamenta ausência de Rodriguinho

Amplamente superior, o Corinthians venceu a Ponte Preta por 3 a 0 no primeiro jogo da final do Campeonato Paulista, realizado na tarde deste domingo, em Campinas. Um dos destaques da partida, o meia Jadson admitiu a surpresa com o resultado dilatado e lamentou a ausência de Rodriguinho, suspenso do segundo confronto.

“Acho que ninguém esperava um jogo com placar elástico assim. Nossa equipe veio muito concentrada. Todos estão de parabéns pela forma que atuaram. Então, demos grande passo para o título paulista, mas ainda tem o segundo jogo”, declarou Jadson à TV Globo.

Autor do segundo gol, ele procurou minimizar o feito e valorizar o grupo. “A sensação é muito boa, mas, independentemente de quem fizesse os gols, o importante era o time vencer. Sabíamos que seria difícil, mas soubemos neutralizar as jogadas da Ponte Preta e conseguimos um grande resultado”, afirmou Jadson.

Advertido com o terceiro cartão amarelo pelo árbitro Raphael Claus, Rodriguinho é desfalque certo para o técnico Fabio Carille no segundo e decisivo confronto com a Ponte Preta. A ausência do meia, autor de dois gols em Campinas, foi lamentada por Jadson.

“É uma grande perda. Nosso time veio com muitos jogadores pendurados. O Rodriguinho tem feito bons jogos e ajudado a equipe. Hoje, mais uma vez. Vai fazer falta na última partida, mas temos que confiar nos jogadores que estão esperando oportunidade também”, afirmou Jadson.

Corinthians e Ponte Preta decidem o título paulista a partir das 16 horas (de Brasília) do próximo domingo, na arena de Itaquera. O time dirigido por Fabio Carille garante o título mesmo em caso de derrota por dois gols de diferença, mas Jadson mantém a cautela para falar sobre o encontro final.

“Acho que precisamos entrar com a mesma postura. A concentração tem que ser igual. Se o time estiver concentrado, com todos os jogadores unidos dentro de campo, temos tudo para conseguir o título”, disse Jadson, dono da simbólica camisa 77 do Corinthians.