Brasil fatura dois ouros e uma prata no Aberto de Praga de judô

O Brasil teve bom desempenho no Aberto de Praga de judô, competição exclusivamente feminina. Neste sábado, três judocas subiram o pódio, e faturaram dois ouros e uma prata.

Jéssica Pereira colocou a medalha de ouro no peito ao vencer a disputa da categoria meio-leve (até 52kg). Pereira venceu quatro lutas, todas por ippon para garantir o título da etapa tcheca. A brasileira superou primeiro a turca Busra Ozdek, depois a cazaque Aigunim Tuitekova, em seguida a polonesa Karolina Pienkowska e, finalmente, a bielorrussa Darya Skrypnik.

Quem também faturou o ouro foi Samanta Soares (até 78kg), que na final derrotou a polonesa Beata Pacut com um waza-ari e um ippon, faturando a medalha dourada sem perder uma luta. Já Beatriz Souza (+78kg), de apenas 18 anos, venceu as quatro primeiras lutas com ippon. Na decisão, acabou superada por Marya Slutskaya e levou a prata.

Além delas, outras judocas brasileiras entraram em ação neste sábado, mas acabaram sem medalhas. Stefannie Arissa Koyama, na categoria ligeiro (até 48kg), perdeu logo na estreia para a ucraniana Darya Bilodid, campeã europeia juvenil e júnior. Nos pesos-leve (até 57 kg), Gilmara Prudêncio bateu por ippon a tcheca Renata Zachova na primeira luta, porém foi superada na sequência pela polonesa Anna Borowska e deu adeus ao torneio.

Entre os homens, Lincoln Neves, na categoria leve (até 73kg), foi o único representante do Brasil no Aberto de Katowice, na Polônia. Neste sábado, o brasileiro entrou nos tatames, mas perdeu logo na estreia para o israelense Or Hasan.

As competições masculinas seguem neste domingo, com a presença de brasileiros. Em Katowice, lutarão os judocas Eduardo Yudy Santos (81kg), Rafael Macedo (81kg), Gustavo Assis (90kg), Leonardo Gonçalves (100kg) e Ruan Isquierdo (+100kg).