CR7 teria dito: 'Vou embora porque me tratam como um delinquente'

Sem motivos para sorrir? Ronaldo está no Real desde 2009 (Foto: Gerard Julien / AFP)

Parece que Cristiano Ronaldo está mesmo decidido a deixar o Real Madrid. Nesta segunda-feira, a emissora de rádio espanhola "Cadena Cope" deu uma informação contundente a respeito do desapontamento do astro em relação, principalmente, à imprensa da Espanha.

- Vou embora do Real Madrid porque me tratam como um delinquente, especialmente os meios de comunicação - teria dito CR7 ao técnico do Real Madrid, Zinedine Zidane.

Cristiano Ronaldo acredita estar sendo perseguido na Espanha depois da acusação de fraude fiscal no período entre 2010 e 2014, no qual teria deixado de declarar 14,7 milhões de euros (R$ 52 milhões). Além disso, ele acha que não tem o apoio do clube madrilenho nesse caso.

GIGANTES MONITORAM SITUAÇÃO

No último domingo, o jornal inglês "The Times" trouxe a informação de que o Manchester United entrou na briga para tentar contratar Ronaldo, que já atuou pelo clube entre 2003 e 2009. O craque de Portugal ficou irritado com as acusações de fraude fiscal e, segundo a imprensa portuguesa, não quer mais atuar na Espanha.

A imprensa britânica também diz que o Chelsea monitora a polêmica situação do camisa 7. A operação para tirá-lo de Madri, porém, não será das mais fáceis. Isso porque, além do Real ainda tentar convencê-lo a ficar, o Paris Saint-Germain e o futebol chinês também estão na corrida.










E MAIS: