Inter recebe o Fortaleza em primeiro jogo após demissão de Alexander Medina

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·3 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) - Dois dias antes do Inter receber o Fortaleza, no Beira-Rio, em Porto Alegre (RS), pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro, neste domingo (17), o clube gaúcho decidiu pela demissão do técnico Alexander Medina. Nesta sexta-feira (15), a direção do clube se reuniu e definiu a saída. No início da tarde, uma nota oficial confirmou o rompimento. A razão para a queda é a combinação de tropeços na Sul-Americana, no Brasileiro, além das eliminações prematuras no Campeonato Gaúcho e na Copa do Brasil.

Uma reunião desde as primeiras horas da manhã tomou os gabinetes do Beira-Rio. Nela, a direção alinhou detalhes de pagamento da multa rescisória do profissional, estipulada em aproximadamente R$ 7 milhões, para rompimento imediato do vínculo que iria até o fim da temporada.

A decisão do Internacional de demitir o técnico Alexander Medina significa que houve a terceira troca de treinador nos clubes da Série A desde o início do Brasileiro de 2022 —ou seja, antes mesmo da segunda rodada.

Medina foi contratado pelo Inter no fim e dezembro, fez 17 partidas no clube, com seis vitórias, seis empates e cinco derrotas. Um aproveitamento de 47%. Com ele, o time também caiu na primeira fase da Copa do Brasil, perdendo para o Globo-RN, por 2 a 0.

O queda do técnico uruguaio não tem o campeonato nacional como motivação única, já que o desempenho colorado tem sido ruim ao longo do ano: a gota d'água foi o empate com Guaireña, pela Sul-Americana, nesta quinta-feira (14). No entanto, reforça uma tendência que deve voltar a aumentar após o fim da limitação da troca de técnicos durante o Brasileiro, item que vigorou no ano passado e que foi retirado do regulamento para 2022.

Antes de Medina, Alberto Valentim já tinha sido sacado do Athletico-PR (por coincidência, ele também abriu a lista da troca de técnicos em 2021). Ainda no fim da noite de domingo, o América-MG anunciou a saída de Marquinhos Santos. No caso do time paranaense, o escolhido para a vaga foi Fabio Carille. Já o Colho trouxe de volta Vagner Mancini.

O mercado de técnicos da Série A se movimentou também porque o Goiás ainda tinha uma vaga aberta e a preencheu com Jair Ventura.

Olhando para o cenário dos treinadores da elite, Medina também é o primeiro estrangeiro a perder o emprego neste ano. Flamengo, Palmeiras, Atlético-MG, Corinthians, Botafogo, Fortaleza, Santos e Coritiba mantêm mão de obra importada no comando da equipe.

O auxiliar Cauan de Almeida deve assumir o comando do Inter para a partida deste domingo, que também marca a despedida do meia argentino D'Alessandro, que irá se aposentar após a segunda rodada do Brasileiro. Em compensação, o time gaúcho pode ver as estreias do lateral-esquerdo Renê e o zagueiro Vitão. O volante Edenilson, que sofreu um trauma no joelho esquerdo durante a partida contra o Guaireña, é dúvida na partida, e pode se juntar a uma lista que já conta com Kaique Rocha, David, Bruno Gomes, Moisés, Tiago Barbosa e Wanderson, todos no departamento médico do time. Uma provável escalação do Inter para o confronto é: Daniel; Bustos, Bruno Méndez (Moledo), Vitão e Renê; Liziero, Edenilson, Maurício, Gabriel (D'Alessandro) e Taison; Wesley Moraes.

O Fortaleza, por sua vez, entra em campo buscando reverter o momento negativo após uma sequência de três derrotas -duas na Libertadores, contra o Colo-Colo, do Chile, e o River Plate, da Argentina, e outra na primeira rodada do Campeonato Brasileiro, contra o Cuiabá. Para a partida, o técnico Juan Pablo Vojvoda deve ver do atacante Lucas Crispim ao time titular. O atacante Renato Kayzer tem a presença incerta, após ter saído com dores da partida contra o River Plate. Uma provável escalação do Fortaleza para este domingo tem: Max Walef; Tinga, Benevenuto e Titi; Yago Pikachu, Zé Welison, Matheus Jussa, Lucas Lima e Lucas Crispim; Moisés e Robson.

Estádio: Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)

Horário: Às 18h (de Brasília) deste domingo (17)

Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza (SP) (Fifa)

VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP) (VAR-Fifa)

Transmissão: Premiere

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos