Inter perde a prévia do confronto das quartas de final pelo Gauchão

A fase do Internacional não é boa e a equipe de Antonio Carlos Zago mais uma vez fracassou na hora de mostrar uma reação ao seu torcedor na noite desta quarta-feira pela última rodada da primeira fase do Campeonato Gaúcho. Apesar de entrar em campo classificado, assim como Cruzeiro-RS, seu adversário no estádio Esportivo Montanha dos Vinhedos, em Bento Gonçalves, o Colorado precisava dos três pontos para subir na tabela e avançar em uma condição que lhe desse alguma vantagem a partir de agora. Mas, o Cruzeiro-RS ignorou o fato de ser visitante e fez 2 a 1 no Inter, que não pôde atuar no Beira-Rio por cumprir uma punição depois de uma briga envolvendo seus torcedores.

Com o resultado, o time do interior do Estado do Estado acabou na vice-liderança, com 20 pontos, e vai encarar justamente o Internacional nas quartas de final. O Colorado terminou em sétimo, apenas o penúltimo classificado, com 14 pontos. Os confrontos já começam no fim de semana e a partida de ida de novo terá a equipe de Porto Alegre como mandante.

Ficou claro para o Internacional que a partida seria uma pedreira desde os primeiros minutos. Logo aos 6, Danilo Fernandes precisou trabalhar e salvar o Colorado com uma linda defesa com o pé depois da conclusão de Lucão. O Inter respondeu com Nico Lopez, que voltou a ser titular com Zago, mas o atacante não conseguiu marcar depois de driblar até mesmo o goleiro.

Na sequência, não teve jeito para Danilo Fernandes. Depois da boal rondar a área do goleiro do Inter, Lucas Martins pegou a sobra e mandou uma bomba, de primeira. O goleiro ainda tocou na bola e viu ela explodir na trave antes de entrar.

Antes do intervalo, o Cruzeiro chegou ao segundo gol em grande jogada individual de John Lennon, que arrancou do campo de defesa, passou por todos os jogadores do Inter pela direita e cruzou para Lucão ampliar. Falha tremenda dos jogadores colorados, que ficaram sem entender o que haviam feito.

Mais uma vez tendo de correr atrás do resultado nesse Campeonato Gaúcho, o Inter se manteve vivo no jogo graças a um gol de Nico Lopez, que aproveitou rebote do goleiro Deivity, com apenas 2 minutos da etapa final.

Aos 13, quase veio o empate. William cobrou falta no travessão e aumentou ainda mais a pressão para cima do Cruzeiro, que tentava matar o jogo no contra-ataque, mas já aparentava um desgaste físico muito grande.

De qualquer forma, o Internacional de novo não teve forças para reagir e acabou derrotado na última rodada antes das quartas de final do Campeonato Gaúcho.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 1 X 2 CRUZEIRO-RS

Local: Parque Esportivo Montanha dos Vinhedos, em Bento Gonçalves (RS)

Data: 29 de março de 2017, quarta-feira

Horário: 21h45 (de Brasília)

Árbitro: Leandro Vuaden (RS)

Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi e Maíra Mastella Moreira (ambos do RS)

Cartões amarelos: INTER: Victor Cuesta, Nico Lopez. CRUZEIRO-RS Tawan, Sander.

GOLS:

INTER: Nico Lopez, aos 2 minutos do 2T

CRUZEIRO-RS: Lucas Martins, aos 27, e Lucão, aos 38 minutos do 1T.

INTER: Danielo Fernandes; William, Paulão (Léo Ortiz), Victor Cuetsa e Uendel; Anselmo, Rodrigo Dourado, D’Alessandro e Valdivia (Roberson); Nico Lopez e Brenner.

Técnico: Antônio Carlos Zago

CRUZEIRO-RS: Deivity, John Lennon, Dão, Vladimir e Sander; Tawan (Bem Hur), Lucas Martins, Ronaldo (Matheus) e William Koslowzki (Wagner Silva); Thiago Alagoano e Lucão

Técnico: Ben-Hur Pereira