Inter de Milão tem jogo sem adversário após equipe do Bologna entrar em quarentena

·1 min de leitura
Jogadores da Inter de Milão deixam gramado após ausência da equipe do Bolonha, que está de quarentena por causa da Covid-19

BOLONHA, Itália (Reuters) - Grande parte do ritual pré-jogo da Inter de Milão foi o mesmo antes do jogo contra o Bologna na quinta-feira, mas apenas uma coisa faltou --os adversários, já que a partida pelo Campeonato Italiano tornou-se uma farsa.

Um surto de casos de Covid-19 no elenco do Bologna levou a autoridade sanitária local (ASL) a colocar a equipe em quarentena por um período entre 7 a 10 dias a partir de quarta-feira, o que significa que o time não pôde participar do confronto em casa com a Inter, que deveria ocorrer nesta quinta-feira.

Ainda assim, com a liga italiana se recusando a cancelar as partidas, a Inter foi forçada a comparecer e se aquecer antes do jogo, como de praxe, com os árbitros fazendo a inspeção do campo, apesar de não haver sinal de nenhum jogador do Bologna.

As regras do torneio dizem que a Inter deve receber a vitória com resultado de 3 x 0 sem qualquer direito de recurso ao Bologna. Mas o diretor da Inter, Beppe Marotta, que estava presente em Bologna, disse que o sistema não está funcionando.

"A situação é caótica", disse Marotta ao canal Sky Sport Italia. "Jogos estão sendo adiados por autoridades locais de saúde que decidem de forma independente."

"O Bologna estava pronto para jogar e sofreu essa situação da ASL, que tomou essa decisão para proteger a saúde de todos, mas a transparência está faltando. Eu limitaria o poder da ASL, caso contrário veremos situações semelhantes no futuro", disse.

(Reportagem de Peter Hall)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos