Inter de Milão e técnico Antonio Conte estão perto da separação, diz imprensa italiana

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Antonio Conte assumiu o comando da Inter de Milão em maio de 2019
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O 'scudetto' não amenizou a tensão entre a Inter de Milão, campeã da Serie A pela primeira vez desde 2010, e seu técnico Antonio Conte, que se opõe ao projeto dos donos do clube cujo objetivo é reduzir despesas, disse nesta quarta-feira a imprensa italiana.

"Inter-Conte, é o divórcio", destaca o jornal esportivo Gazzetta dello Sport, acrescentando que "a despedida oficial pode ocorrer nas próximas 48 horas", enquanto o contrato do treinador estabelece mais uma temporada.

Na origem do desentendimento entre o proprietário chinês, o grupo Suning, e Antonio Conte, estão as graves dificuldades financeiras do clube, que impedem o treinador de poder contar com os jogadores que deseja para enfrentar os maiores desafios em campo.

A Inter registrou prejuízos de mais de 100 milhões de euros (122 milhões de dólares) na última temporada, e a Suning, gigante da distribuição de eletrônicos que detém quase 70% das ações do clume de Milão desde 2016, também vive uma crise por causa da pandemia de covid-19.

Devido a sua situação, a Suning deixou o Jiangsu FC da China no final de fevereiro.

Há cinco dias, a Inter fechou um acordo com o fundo de investimento americano Oaktree Capital, que vai conceder um empréstimo de 275 milhões de euros (336 milhões de dólares).

Segundo a imprensa italiana, o grupo Suning terá de quitar o empréstimo nos próximos três anos.

Neste contexto, a Suning pretende economizar tanto quanto possível na aquisição de novos jogadores e em salários e ao mesmo tempo lucrar com a venda de seus atletas.

ljm/gab/dif/iga/pm/aam

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos