Inglaterra, França, Turquia e República Tcheca garantem vaga na Euro-2020

AFP

França, Turquia, Inglaterra e República Tcheca asseguraram nesta quinta-feira a classificação para a Eurocopa-2020, enquanto que o atual campeão, Portugal, terá que esperar a partida de domingo contra Luxemburgo para entrar na lista de classificados.

Desta maneira, estas quatro seleções se juntam às outras seis que já haviam se garantido antes das duas últimas rodadas das eliminatórias: Bélgica, Itália, Polônia, Rússia, Espanha e Ucrânia.

O sorteio para a Eurocopa-2020 será realizado em Bucareste (na Romênía) no dia 30 de novembro.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Os franceses, campeões do mundo, cumpriram seu objetivo antes mesmo de disputar a partida contra a Moldávia (2-1), já que o empate em 0 a 0 horas antes entre Turquia e Islândia deu a vaga aos jogadores comandados por Didier Deschamps.

A classificação dos 'Bleus' fez com que a França entrasse em campo relaxada, o que facilitou para que a Moldávia abrisse o placar, com um gol de Vadim Rata depois de um erro grosseiro de Clément Lenglet (9).

- Giroud a dois gols de Platini -

O zagueiro central do Real Madrid, Raphael Varane, conseguiu empatar antes do intervalo (35) e Olivier Giroud decidiu o jogo convertendo um claro pênalti na reta final da partida (79) para marcar seu gol de número 39 na seleção e ficar a apenas dois do segundo colocado, o mítico Michel Platini.

O maior goleador da história dos 'Bleus', Thierry Henry, marcou 51 na carreira.

"No segundo tempo jogamos como somos capazes, embora poderíamos ter sido um pouco mais eficazes", disse o técnico francês Didier Deschamps após o jogo.

A França lidera a chave com 22 pontos e se vencer a Albânia no domingo fora de casa se garante como campeã do grupo, o que servirá para que tenha um sorteio teoricamente mais favorável.

A Turquia, graças a seu empate, também está matematicamente classificada, ao somar 20 pontos e não poder mais ser superada pela Islândia (16).

- Inglaterra passeia -

O Grupo A teve nesta quinta as classificações de Inglaterra e República Tcheca.

A seleção inglesa goleou a modesta seleção de Montenegro (7-0), garantindo de forma brilhante sua vaga na Euro no mítico estádio de Wembley.

Em um duelo decidido já antes dos 30 minutos, os gols foram marcados por Alex Oxlade-Chamberlain (11), Harry Kane (18, 24 e 37), Marcus Rashford (30), Aleksandar Sofranac contra (66) e Tammy Abraham (84).

A classificação se tornou um bálsamo para a selelção inglesa, sacudida nos últimos dias pela briga entre Raheem Sterling e Joe Gomez que levou Southgate a deixar o atacante do Manchester City de fora desta partida.

E os sete gols desta quinta (que levaram a 33 em 7 partidas) dão motivos de esperança para aqueles que acreditam que a Inglaterra pode ganhar sua primeira Eurocopa, um torneio que terá o estadio londrino de Wembley como sede das duas semifinais e da final.

"No passado tínhamos problemas contra as equipes modestas que se defendiam com muitos jogadores, mas agora temos jogadores que são capazes de abrir defesas e um estilo de jogo que facilita isso", comemorou Southgate.

"A qualidade de nosso jogo ofensivo foi excelente", acrescentou.

E em Pilsen, a República Tcheca garantiu sua classificação após ganhar nesta quinta da seleção de Kosovo por 2 a 1.

- Hat-trick de CR7 -

Desta forma, a seleção tcheca volta a uma competição da qual foi campeã em 1976 (como Checoslováquia) e vice em 1996, depois de não ter se classificado para a Eurocopa da França-2016, nem para as três últimas Copas do Mundo.

No Grupo B, o atual campeão europeu Portugal goleou a Lituânia por 6 a 0, mas não pôde comemorar sua vaga na Euro, após a vitória da Sérvia contra Luxemburgo (3-2).

Os portugueses, que ganharam em Faro com três gols do astro Cristiano Ronaldo (7, 22, e 65), um de Pizzi (52), outro de Gonçalo Paciência (56) e outro de Bernardo Silva (63), pularam para 14 pontos, contra os 13 da Sérvia, e com isso vão conseguir o objetivo se vencerem na última rodada a seleção de Luxemburgo fora de casa.

O cinco vezes vencedor da Bola de Ouro mostrou assim que segue em grande forma apesar de sua polêmica substituição durante um jogo da Juventus no último fim de semana.

"Eu sabia que ele estava em condições de jogar (...) Sua partida põe fim às dúvidas sobre sua condição física; pessoalmente, eu não tinha dúvidas", declarou após a partida o treinador português Fernando Santos.

'CR7' elevou assim sua conta de gols com a camisa de Portugal para 98 em 163 partidos, se aproximando um pouco mais do recorde mundial que pertence ao iraniano Ali Daei (109).

Apesar desta vitória, os jogadores comandados por Fernando Santos terão que esperar até domingo para ganhar o direito de revalidar o título.

Leia também