Influenciadores do Vasco, Wallace Neguere e o filho Zezeu se empolgam com arrancada e acreditam no acesso

·6 minuto de leitura


Se você é vascaíno e usuário frequente das redes sociais com certeza já se deparou com o sorriso largo de Wallace Neguere. Se não é, provavelmente já cruzou com ele também. É ao lado do filho mais velho, Zezeu, que esse vascaíno viralizou em 2019 falando de... Vasco. Quando o time ganha, é certo: vídeo viral e feriado decretado com direito a regalias para o primogênito, como jogar videogame até tarde e beber refrigerante.

Se falar dos últimos jogos, então, podemos ver que o garoto de 9 anos está tirando onda. São três vitórias seguidas e muitos feriados. O LANCE! bateu um super papo com Wallace Neguere por vídeo e a entrevista completa você pode ver acima ou no Youtube do L!, clicando aqui.

Wallace Neguere é brasiliense, mas tem dentro de casa uma família toda vascaína. Ele é casado com Iaci Mendonça, que ajuda na preparação dos vídeos virais. Além de Zezeu, o casal também têm Maria Cecília, de três anos. O influencer do Vasco diz que ele foi 'doutrinado' pelo pai para torcer pelo Vasco e vem conseguindo transmitir o amor para o Zezeu, que chega ter dificuldades para dormir quando o Vasco perde.

Wallace Neguere e o filho Zezeu
Wallace Neguere e o filho Zezeu

Neguere, Zezeu e a caçula Maria Cecilia. Quando o Vasco ganha, a festa é garantida na casa da família (Foto: Arquivo pessoal)

Nas últimas cinco rodadas, no entanto, o menino não tem mais motivo para dormir mal. São dois empates e três vitórias consecutivas. Os vídeos de 'feriados decretados', feitos após triunfos do Vasco, terão que ser produzidos em larga escala daqui para frente, se depender dele. O Vasco precisa de seis vitórias nos próximos dez jogos e Neguere já garantiu: o Vasco sobe!

Confira trechos do bate-papo com Wallace Neguere. O vídeo completo você assiste acima ou no Youtube do LANCE!.

VÍDEO VIRAL E CARINHO ATÉ DOS ADVERSÁRIOS
- Quando a gente criou isso lá atrás sem intenção, foi pra manter a chama acesa no coração dos nossos torcedores que esses anos vem sofrendo muito com rebaixamento e brigas políticas. Graças a Deus estamos tendo um retorno muito bacana de todas as torcidas. Tem gente que não gostava do Vasco mas diz que gosta da gente.

- Quando a gente começou (em 2019) foi sem querer. Ele queria jogar no celular e eu não queria deixar. E ele começou a cantar músicas do Vasco pra me conquistar. E a bateria acabou, quando chegamos em casa o vídeo tinha viralizado, de uma hora pra outra meu telefone não parava (de notificação). E eu sempre tive muita responsabilidade, ainda mas quando se trata de uma criança. Mas as pessoas ficavam falando 'não para de fazer'. E estamos aqui, né? Acredito eu ajudando muita gente a manter o amor pelo Vasco.

UM NOVO VASCO E A CHUVA DE FERIADOS PARA O ZEZEU
- O campeonato do Vasco começou agora. A gente não encaixou na montagem desse elenco. Me surpreendi com a saída do Lisca, que não conseguiu dar liga. Mas com o Diniz está sendo diferente. E o Zezeu tá muito feliz, né? A cada vitória é um feriado, ele desfruta desse feriado. Quando ganha ele dorme a hora que quer, e o 'nanazinho' (refrigerante) está sempre liberado.

FASE RUIM E RESPONSABILIDADE COM O QUE FALA
- Eu deixo bem claro para as pessoas que a gente como torcedor influenciador que tem papel nas redes sociais, ainda mais tratando da imagem de uma criança, que a gente tem que ter muita responsabilidade. O torcedor vascaíno que tem grande alcance tem que ter responsabilidade. Então quando o Vasco não estava ganhando eu fazia sim muitas criticas. (...) O pessoal perguntava pro Zezeu, a criançada, o que ele estava sentindo... Então temos que ter calma, paciência. O torcedor do Vasco tem que entender que quando você luta contra o racismo, a homofobia, você faz parte do que queremos transmitir pra galera que é muita paz, amor.

VOLTA DO NENÊ
E as coisas quando não dá certo parece que o mundo desaba, mas graças a Deus Nenê voltou e estamos desfrutando do 'vovô'. Eu fiz uma enquete antes do retorno para saber se a torcida receberia bem ele de volta. Ele ganhou a enquete em disparada: 80%. O escanteio bem batido, uma falta, o último passe pode acontecer o que tá acontecendo. Conseguimos encaixar, agora é manter a pegada que é voltar pra série A que é o nosso lugar.

O FERIADO É DECRETADO DE VERDADE?
- Pra criança a gente não mente. Eu fui doutrinado a torcer pelo Vasco, não só pelos títulos, mas pela história que o clube carrega. E eu tento passar tudo pro Zezeu de forma saudável. As redes dele são todas monitoradas, e agente conversa muito com o Zezeu. As coisas não são fáceis. (...) Ele por ser essa criança muito especial, a gente não mente pra ele. O feriado existe, mas com responsabilidade.

- Hoje (segunda, um dia após a vitória sobre o Confiança) ele tá desfrutando do feriado, está viajando com a mãe. Mas quando tem questões de prova nós negociamos, fazemos uma compensação, comemos pizza, um sorvetinho. Mas a gente tem muitas responsabilidades. Zezeu é um ótimo aluno, tira notas boas. As vezes damos alguns castigos dele querer fazer algum vídeo e a gente não deixa. Não somos irresponsáveis, muitas pessoas no inicio achavam que nós éramos. Mas não, temos o controle e a mãe dele também pega muito no pé também.

Wallace Neguere e família
Wallace Neguere e família

Mãe de Zezeu, Iaci Mendonça ajuda na criação dos vídeos (Foto: Arquivo pessoal)

E NAS DERROTAS CONSECUTIVAS?
- (Nos momentos ruins) eu sempre estive trocando ideia com ele. 'Filho o momento está ruim, mas pode ter certeza que isso vai passar'. Ele fica p*, dorme mal. E minha mãe diz que eu era do mesmo jeito. E eu tento sempre dosar muito com ele. O Zezeu está sendo forjado de uma forma muito leal ao Vasco. Ele tem o sentimento do torcedor que está em extinção. Você manter o torcedor-raiz, pé no chão. O nosso povo, o povo preto, periférico. Então o Zezeu representa isso. Todos os torcedores de outros times mandam mensagem pro Zezeu. Ele une todas as torcidas.

NEGUERE, O VASCO SOBE?
- O Vasco sobe. Foi uma hastag criada por mim, pelo meu amigo Luiz Alan, pelo 'Montagens Vasco' e pelo Pedro. Quando criamos essas hastag, mexemos com o sentimento do torcedor vascaíno. E o Vasco jogando do lado da torcida é um Vasco diferente. Quando a torcida quer apoiar, vai para as redes, ela cria coisa bacana que chega nos jogadores.

E a gente faz um apelo pra galera do Maranhão (o Vasco enfrenta o Sampaio Côrrea no próximo sábado), vá com cuidado, com máscara e álcool em gel, mas vá. O torcedor vai, não tem jeito, e o Vasco vai dar mais uma demonstração de força. O Vasco sobe, vai subir e agente não trabalha com outra ideia de que o Vasco permaneça na segunda divisão. E se tiver algum responsável por isso é o torcedor.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos