Indicado por Abel, Dodi busca espaço entre os titulares do Fluminense

Volante chegou ainda sob o comando de Abel Braga e ganhou a confiança de Fernando Diniz, mesmo sem ser titular no tricolor

Indicado por Abel, Dodi busca espaço entre os titulares do Fluminense

Volante chegou ainda sob o comando de Abel Braga e ganhou a confiança de Fernando Diniz, mesmo sem ser titular no tricolor


Há pouco mais de três meses no comando do Fluminense, Fernando Diniz já elegeu o time titular ideal. No entanto, no caso de desfalques, alguns jogadores caíram nas graças do treinador para superar ausências. O volante Dodi é um deles. Contra o Flamengo, ele entrou no segundo tempo e marcou o primeiro gol tricolor na derrota por 3 a 2.

- Estou feliz pelo meu primeiro gol aqui no Fluminense. Tenho trabalhado bastante para aproveitar as oportunidades que estão surgindo. Uma pena a derrota, trocaria o gol pela vitória, sem dúvidas - avaliou o jogador.

Dodi chegou ao Fluminense em abril de 2018, em um pedido de Abel Braga, treinador do time na época, por um jogador de mais velocidade e que atuasse pelos lados. Emprestado pelo Criciúma, seu contrato com o clube catarinense se encerrou em dezembro, assim como o vínculo com o Flu. A equipe das Laranjeiras, então, assinou com ele até 2020.




Na época da contratação, Abel avaliou que Dodi poderia até atuar no meio, como camisa 10. O treinador, hoje no Flamengo, afirmou que ele tinha "dinâmica, velocidade e uma chegada muito boa na área". Em 2019, o volante tem sete jogos, sendo três como titular. Ainda irregular e sumido em algumas partidas, Dodi ainda luta para conquistar a confiança da torcida.

- Estamos bem focados no trabalho, todos estão cientes das ideias do professor Diniz, e a cada treino e jogo vamos buscando pôr isso em prática. Temos uma batalha pela frente, novamente o Flamengo e vamos trabalhar para corrigir os erros desse último jogo, e entrar preparado para essa semifinal - disse.


Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também