Indicação de ex-presidente banido, reunião vazada e caso de assédio: a turbulenta gestão de Caboclo na CBF

·5 minuto de leitura


Com os últimos três ex-presidentes da Confederação Brasileira de Futebol afastados do cargo ou banidos do futebol por escândalos, a CBF convive com uma sequência de dificuldades administrativas. Denunciado na última sexta-feira por uma acusação de assédio moral e sexual, então presidente Rogério Caboclo está afastado do cargo. O LANCE! mostra que a trajetória do dirigente é recheada de turbulências no comando de uma das maiores entidades de seleções.

+ TABELA: Libertadores da América tem oitavas de final definida; confira

+ Começou o Brasileirão! Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

HISTÓRICO DE DESVIOS E DESRESPEITO COM A ENTIDADE
Ricardo Teixeira esteve como presidente da CBF de 1989 a 2012. Ele precisou renunciar da presidência antes de 2015, quando terminaria seu mandato, após investigações apontarem o recebimento de propina em contratos da Libertadores, Copa América e Copa do Brasil. Além de ter recebido dinheiro para votar no Qatar na sede da Copa 2022.

José Maria Marin comandou entre 2012 a 2015. Ele foi detido pela polícia norte-americana em uma operação na Suíça e foi condenado por fraude bancária, organização criminosa e lavagem de dinheiro. Esteve preso nos EUA até 2020, quando retornou ao Brasil por conta da Covid-19.

Por fim, o mandatário que "apadrinhou" Caboclo, Marco Polo Del Nero, que esteve no comando entre 2015 e 2017. Del Nero foi indiciado nos EUA em 2015 por corrupção. Ele foi suspenso pela Fifa de qualquer administração no futebol, assim como recebeu uma multa.

+ Denúncia de assédio sexual: relembre 12 polêmicas envolvendo Neymar

CONTEXTO CAÓTICO X DESEJO POR TRANSPARÊNCIA
É com esta realidade que o ex-dirigente do São Paulo e da Federação Paulista de Futebol, Rogério Langanke Caboclo, de então 46 anos, assumiu por quatro anos. Antes disso, o cartola paraense Coronel Antônio Nunes ocupou o espaço até o começo de Caboclo. Ele é o 20º presidente e seu mandato vai até 2023. Neste domingo, o mandatário foi afastado por 30 dias durante as investigações.

Caboclo chegou falando em priorizar uma "gestão transparente e eficiente". Filho de um ex-presidente do São Paulo, o advogado se tornou cartola nos anos 2000. Porém, o passado da CBF parece seguir comandando o cargo principal. Gravações obtidas revelam que Marco Polo liderava a Confederação mesmo após ser banido.

Del Nero, mesmo banido do futebol e, por isto, não podendo ter contato com a bola, era responsável por dar a última palavra em muitas das decisões em torno do cenário futebolístico brasileiro. Nos últimos três anos, Del Nero debateu e alinhou a indicação de funcionários para cargos menores, conversas da rotina da CBF e até contratos milionários feitos pela entidade.

GESTÃO DE CABOCLO NA PANDEMIA TEVE "JOGO FORÇADO"

Rogério Caboclo/Ricardo Teixeira/Del Nero
Rogério Caboclo/Ricardo Teixeira/Del Nero

Rogério Caboclo, Ricardo Teixeira e Marco Polo (Montagem LANCE!)

Com anos de gerência, Rogério precisou enfrentar uma das maiores crises sanitárias da história recente da Confederação. A entidade anunciou a paralisação de todas as competições nacionais em março daquele ano após o aumento de casos de coronavírus no país e pressões externas ao futebol. O esporte foi paralisado por três meses, quando então criou-se um protocolo.

Com a sequência das partidas, a CBF precisou se posicionar principalmente no começo de 2021, com um novo aumento de casos em todo país. Em uma reunião vazada feita com dirigentes, Caboclo afirmou: "A CBF, Federações e clubes fizeram o que os governos deveriam ter feito". O presidente não se restringiu a se opor veementemente à paralisação das competições nacionais, em trecho da reunião de 10 de março.

GLOBO E PATROCINADORES TAMBÉM QUERIAM MANTER O FUTEBOL
No mesmo encontro, Rogério se mostrou irredutível em relação ao desejo da bola continuar a rolar mesmo com a escalada da pandemia de Covid-19. No trecho da videoconferência com dirigentes de clubes da Série A e B, Caboclo subiu o tom e citou a Rede Globo e os patrocinadores sobre as consequências da paralisação.

Randolfe Rodrigues + Rogerio Caboclo
Randolfe Rodrigues + Rogerio Caboclo

Senador Randolfe Rodrigues convoca Caboclo para CPI (Montagem Lance!Fotos: Jane de Araújo/Agência Senado; Lucas Figueiredo / CBF)

No vídeo, ele ainda diz que "vai ter competição e vocês estão f... se não tiver", em referência à um possível corte de verbas televisivas e comerciais caso o esporte não fosse disputado.

+ Caboclo ameaçado: veja nomes que poderiam entrar na presidência da CBF

Já em abril, o presidente afirmou em entrevista ao Uol que desejava comprar vacinas contra a Covid-19 para o futebol, caso a permissão fosse concedida em votação no Congresso Nacional. A "prioridade" acabou recebendo reclamações de torcedores. No fim das contas, a Conmebol ganhou doações de vacinas para imunizar atletas.

UM CAPÍTULO EXTRA: COPA AMÉRICA
​A aceitação da CBF e do governo do presidente da República Jair Bolsonaro ao questionamento da Conmebol sobre a realização da Copa América no Brasil também gerou desgastes fora do ambiente esportivo. O senador Randolfe Rodrigues, vice-presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia, oficializou o requerimento para convocação de Rogério para depor na comissão.

ESCÂNDALO DE ASSÉDIO ABALA CBF
Após ser formalizada a denúncia contra o presidente da Confederação Brasileira de Futebol por assédio moral e sexual, em junho deste ano, mais um capítulo da acusação foi noticiado. As investigações internas do Conselho de Ética apontaram para o afastamento.

Caboclo teria retaliado a funcionária que o denuncia, apontando as vestimentas da mulher como inapropriadas e regulando amizades dela na Confederação, onde trabalha desde 2012. Ela ainda afirma que Caboclo teria chamado-a de "cadelinha" e mandado que ela comesse biscoitos para cachorro.

Jair Bolsonaro e Rogério Caboclo
Jair Bolsonaro e Rogério Caboclo

Caboclo ao lado do presidente da República, Jair Bolsonaro (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos