Importante na vitória do São Paulo, Jhegson Méndez fala de estreia e destaca adaptação

Méndez foi eleito o craque da partida (Foto: Reprodução/ São Paulo FC)


Jhegson Méndez fez seu primeiro jogo com a camisa do São Paulo na vitória contra a Ferroviária, pela segunda rodada no Campeonato Paulista, e foi um dos grandes destaques da partida. O equatoriano deu um lançamento que foi essencial para o gol marcado por David - outro reforço estreante.

No empate com o Ituano, no último domingo (15), o equatoriano foi um desfalque porque ainda não estava registrado no Boletim Informativo Diário (BID). Regularizado, o volante foi um dos titulares do elenco de Rogério Ceni nesta quinta-feira (19).

ATUAÇÕES: David faz “correria” valer a pena, Rato vai bem de novo, e Galoppo é essencial em vitória do São Paulo

Veja tabela do Campeonato Paulista e simule os próximos jogos

Veja as movimentações do São Paulo no mercado da bola

O jogador falou sobre o resultado e destacou que foi muito bem recebido pelos companheiros de equipe, alegando ter sido um dos fatores essenciais para sua boa estreia. Este entrosamento foi visto desde seu anúncio, feito pelo outro equatoriano do Tricolor, Arboleda.

– Agradecer a Deus por ter me trazido para o São Paulo. Desde o início, eu me senti adaptado, os companheiros me receberam muito bem. Foi importante começar desta maneira, jogando em um campo difícil - disse Méndez.

Projetando futuras vitórias, Méndez falou sobre o futuro e destacou que espera mais resultados positivos defendendo a equipe de Rogério Ceni.

- Quero também acrescentar o esforço da equipe, pois é uma vitória importante e só tenho a agradecer. Espero seguir jogando assim e seguir vencendo jogos com o São Paulo. Por agora, estou muito feliz, principalmente pela vitória, que é o mais importante - completou.

Então, é bom que o equatoriano se prepare para um dos primeiros desafios do ano. Neste domingo (22), o São Paulo encontra o Palmeiras no Allianz Parque no primeiro clássico de 2023. O Tricolor guarda um certo desejo de revanche contra a equipe de Abel Ferreira, muito pela derrota na final do Paulistão em 2022.