Imparável! Daniel Dias leva o bronze nos 100m livre e chega a 26ª medalha em Jogos Paralímpicos

·1 minuto de leitura


Após conquistar o bronze na última quarta-feira nos 200m livre, categoria S5, o brasileiro Daniel Dias brilhou novamente e ficou também com o terceiro lugar na final dos 200m livre, com o tempo de 1m10s80. Com o feito desta quinta-feira em Tóquio, o nadador chegou a 26ª medalha na história das Paralimpíadas.

+ Jovane Guissone vence e avança para as quartas de final da esgrima nos Jogos Paralímpicos

Daniel teve uma saída complicada na prova e chegou a figurar na quinta colocação na virada dos primeiros 50m. Contudo, o brasileiro teve uma recuperação impressionante, chegou na terceira posição. O ouro ficou com o italiano Francesco Bocciardo (1m09s56) e a prata com o chinês Lichao Wang (1m10s45).

+ Atleta brasileiro cai no exame anti-doping e deixa os Jogos Paralímpicos

- Estou tentando ser muito grato, primeiramente a Deus. Está fluindo. Hoje foi mais leve. Quando virei vi que os chineses estavam um pouco à frente. Consegui alcançar minha meta. É viver cada momento, cada prova. São os últimos 100m, não tenho mais na competição, agora só 50m - disse Daniel ao 'SporTV'.

Outros brasileiros já disputaram finais nesta quinta-feira nas piscinas de Tóquio, mas não conseguiram medalhas. Com tempo de 1m27s62, Joana Neves, a 'Peixinha', ficou na oitava colocação dos 100m livre feminino, da classe S5. Nos 200m medley masculino, categoria SM6, o brasileiro Tallison Glock ficou em sexto lugar.

Classes da natação paralímpica:
S1 à S10 - atletas com limitações físico-motoras
S11 à S13 - atletas com deficiência visual
S14 - atletas com deficiência intelectual
*Quanto maior o grau de comprometimento, menor o número da classe

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos