Craques do vôlei batem boca por causa de política

Yahoo Esportes
Gazeta Press e Divulgação
Gazeta Press e Divulgação

O ambiente de forte polarização política está criando divergências profundas até entre alguns ídolos do esporte nacional. Ex-companheiras de time na seleção brasileira feminina de vôlei e medalhistas olímpicas, Ana Paula e Ana Moser trocaram farpas através do twitter.

Tudo começou quando Ana Paula, notória por suas posições conservadoras, resolveu alfinetar a ex-colega de time mesmo sem citá-la.

“Defende o socialismo e a “igualdade para todos” ferozmente, mas toda reunião que tínhamos para propor que os prêmios financeiros individuais teriam que ser divididos entre todas as jogadoras, era a primeira a levantar a mão e ser contra. Deus tá vendo”, cutucou Ana Paula.

Ana Moser captou a indireta e, mesmo sem ter sido citada, resolveu responder diretamente à colega. “Papel e tuiter aceita tudo, Ana Paula. Eu pelo menos tenho coragem de dar nome aos bois e te marco. Está no meu livro, escrito em 2003, e no livro do Bernardinho, escrito depois, esta questão  E a versão é outra. Eu não fui contra a proposta de dividir prêmios”, defendeu-se a ex-jogadora.

Juntas, Ana Moser e Ana Paula participaram de diversas competições internacionais com a seleção e conquistaram a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Atlanta, em 1996. Posteriormente, Ana Paula ainda jogou mais duas Olimpíadas como atleta do vôlei de praia

Leia também