Ibrahimovic sobre PSG: "Ter Mbappé, Neymar e Messi não ajuda"

Zlatan Ibrahimovic defendeu o Paris Saint-Germain entre 2012 e 2016. Foto: Christian Liewig - Corbis/Corbis via Getty Images
Zlatan Ibrahimovic defendeu o Paris Saint-Germain entre 2012 e 2016. Foto: Christian Liewig - Corbis/Corbis via Getty Images

Zlatan Ibrahimovich é conhecido por ser um grande goleador e por nunca ficar calado sobre nada. O atacante sueco do Milan 'atirou' desta vez em direção a sua antiga equipe, o Paris Saint-Germain.

Ibra aproveitou sua já carismática personalidade no Canal+ France para rever sua etapa no grupo parisiense e lançar algumas críticas.

Leia também:

"Desde que saí da França, tudo desmoronou. Eles não têm mais nada para falar. A França precisa de mim, mas eu não preciso da França", explicou o sueco, que se tornou uma das primeiras contratações de Nasser Al-Khelaifi, presidente do PSG.

Ibra também revisou as notícias dos parisienses e não esqueceu de falar das três estrelas da companhia parisiense: Mbappé, Neymar e Messi.

“O fato de você ter Mbappé, Neymar e Messi não ajuda. Não ajuda porque você não tem um Deus”, sentenciou.

Zlatan assinou com o PSG há 10 anos, chegando como grande craque do Milan, junto com o brasileiro Thiago Silva, para ser o novo pilar do projeto parisiense.

O sueco protagonizou várias polêmicas na França, especialmente uma em especial após ser questionado em uma derrota do PSG quando chegou a afirmar que "a França era um país de m...".

Aos 41 anos, Ibrahimovic se recupera de uma cirurgia no joelho e não pensa em aposentadoria.

“Tenho uma enorme paixão pelo jogo. A minha situação é diferente por conta da minha idade, mas continuo gostando do dia a dia. Quando parar vou sentir falta de jogar e não posso pensar que deveria ter continuado. Estou tentando chegar ao nível dos mais jovens ao trabalhar arduamente. Quero estar bem e jogar até onde conseguir”, finalizou o jogador sueco.