Hyoran 'esquece' críticas no Galo e foca em ganhar espaço com Sampaoli

Rodrigo Salomao
·2 minuto de leitura

Depois de uma primeira fase um tanto quanto instável, o Atlético-MG voltará a campo neste domingo pela partida de ida das semifinais do Campeonato Mineiro diante do América. E um dos prováveis personagens do duelo - para o bem ou para o mal - é Hyoran.


FBL-SUDAMERICANA-MINEIRO-UNION
FBL-SUDAMERICANA-MINEIRO-UNION

O meia contratado nesta temporada junto ao Palmeiras vem sofrendo diversos questionamentos por parte da torcida atleticana. Mas, apesar das queixas, há uma forte tendência de que o atleta siga entre os titulares de Jorge Sampaoli para o duelo de logo mais. O espaço que vem ganhando junto ao próprio técnico, segundo o próprio Hyoran, é o que mais lhe importa neste momento:


"Acho que, primeiro, tenho que agradar ao treinador. A torcida será agradada depois, com as vitórias e jogos. Eu venho fazendo o que o Sampaoli pede. Dessa forma, a gente vem conseguindo desempenhar o que ele imagine e consegue evoluir. Conforme formos evoluindo, as coisas vão aparecendo mais. Nós que temos que resolver de uma forma que não atrapalhe taticamente o que o Sampaoli imagina. Temos que tentar desequilibrar tecnicamente em alguns momentos", opinou em entrevista coletiva.


A visão de Hyoran também tem como alvo a percepção de que, desde a pausa do futebol, o elenco do Galo se fortaleceu bastante, aumentando a concorrência inclusive na sua faixa de atuação:


"Da mesma forma que cheguei no começo do ano, eles chegaram só para agregar. Eu tenho que dar o meu máximo no dia a dia, no posicionamento, nos jogos. Ele (Sampaoli) sabe bem o que fazer, tem o respaldo de uma boa comissão. Ele vai escolher o que for melhor para o Atlético, e a gente tem que estar preparado", concluiu.