Hunter-Reay bate Rosenqvist por 0s02 e lidera TL2 em Laguna Seca. Newgarden é 6º

GABRIEL CURTY

O GP de Laguna Seca, palco da final da Indy, teve uma sexta-feira (20) marcada por pilotos fora da briga pelo título como protagonistas. Mais uma vez, Felix Rosenqvist e Colton Herta apareceram fortíssimos, mas Ryan Hunter-Reay foi 0s02 melhor que a dupla e puxou a fila do segundo treino livre.
Rosenqvist foi ligeiramente melhor que Herta para terminar em segundo a sessão, enquanto Santino Ferrucci, outro que brigou com os novatos no TL1, acabou um pouco mais atrás, em quinto.
O melhor dos postulantes ao título foi Simon Pagenaud, que se colocou na quarta colocação, mas o saldo foi positivo mesmo para Josef Newgarden. Além de ter ficado em sexto, posição que quase garante título, ainda marcou bem de perto os rivais. Alexander Rossi foi apenas 23º, lutando com o carro mais uma vez.
Scott Dixon causou uma bandeira vermelha, mas andou mais do que no TL1, ficando em sétimo, enquanto Will Power, Marcus Ericsson e Charlie Kimball apareceram para completar o grupo dos dez primeiros colocados do TL2. Matheus Leist ficou em 17º e Tony Kanaan foi 22º.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Ryan Hunter-Reay liderou o TL2 em Laguna Seca (Foto: Indycar)

Saiba como foi o TL2 em Laguna Seca

O segundo treino livre da Indy na decisão em Laguna Seca começou às 18h10 (em Brasília), novamente com apenas um piloto dando voltas rápidas abrindo os trabalhos, desta vez Conor Daly, que já chegava a um competitivo 1min11s6.

Mas, diferentemente do primeiro treino, as marcas foram aparecendo bem mais rápido, ainda nos primeiros 15 minutos de sessão, com os concorrentes ao título bem mais competitivos, ao menos Newgarden e Rossi.

Newgarden partia para a dianteira ali perto da metade do TL2 ao cravar 1min10s8, marca quase igual a de um muito surpreendente Matheus Leist, que havia mesmo avisado que a Foyt estava em evolução. Rossi andava perto, em quarto, atrás de Power e na frente de Herta.

Aí veio a primeira ocorrência da sessão, uma bandeira vermelha até bem inesperada ali na curva 10. Era Dixon, que errava, saía do traçado e interrompia por alguns minutos a atividade. A bandeira verde voltou com menos de 20 minutos pela frente.

As primeiras colocações seguiam intactas nos minutos seguintes ao acionamento da bandeira verde, mas Pagenaud entrava mais no jogo ao pular para quinto, na frente de um Chilton que fazia finalmente uma boa sessão. 

 

O tempo de Newgarden foi atropelado ali na reta final e logo por quatro pilotos, todos abaixo de 1min10s5. Rosenqvist voltou a imprimir grande ritmo e foi de 1min09s931, acompanhado muito de perto por Herta, que liderou testes e o TL1.

 

Power e Pigot também conseguiram andar mais fortes que Newgarden, mas o americano deu o troco na sequência, encaixando 1min10s2 e se reposicionando em terceiro. Daly, lutando pelo futuro na categoria em 2020, foi para sexto.


Pagenaud conseguiu encostar nos então dominantes Rosenqvist e Herta, mas não foi ele que saltou para a liderança no minuto final e, sim, Hunter-Reay, que girou em 1min09s911. Um cenário bom para Newgarden com vários adversários indiretos fortes.

Indy 2019, GP de Laguna Seca, TL2:

1

R HUNTER-REAY

Andretti Honda

1:09.911

 

13

2

F ROSENQVIST

Ganassi Honda

1:09.931

+0.020

15

3

C HERTA

Harding Honda

1:09.932

+0.021

14

4

S PAGENAUD

Penske Chevrolet

1:10.135

+0.224

11

5

S FERRUCCI

Dale Coyne Honda

1:10.207

+0.296

6

6

J NEWGARDEN

Penske Chevrolet

1:10.225

+0.314

14

7

S DIXON

Ganassi Honda

1:10.272

+0.361

10

8

W POWER

Penske Chevrolet

1:10.335

+0.424

13

9

M ERICSSON

SPM Honda

1:10.391

+0.480

12

10

C KIMBALL

Carlin Chevrolet

1:10.436

+0.525

11

11

M ANDRETTI

Andretti Honda

1:10.443

+0.532

14

12

T SATO

RLL Honda

1:10.447

+0.536

16

13

S PIGOT

Carpenter Chevrolet

1:10.463

+0.552

14

14

C DALY

Andretti Honda

1:10.463

+0.552

16

15

M CHILTON

Carlin Chevrolet

1:10.635

+0.724

11

16

Z VEACH

Andretti Honda

1:10.662

+0.751

15

17

M LEIST

Foyt Chevrolet

1:10.701

+0.790

10

18

S BOURDAIS

Dale Coyne Honda

1:10.706

+0.795

10

19

J HINCHCLIFFE

SPM Honda

1:10.773

+0.862

13

20

G RAHAL

RLL Honda

1:10.881

+0.970

19

21

E JONES

Carpenter Chevrolet

1:10.885

+0.974

13

22

T KANAAN

Foyt Chevrolet

1:10.948

+1.037

13

23

A ROSSI

Andretti Honda

1:11.023

+1.112

13

24

J HARVEY

Meyer Shank Honda

1:11.058

+1.147

14

 
 



Apoie o GRANDE PRÊMIO : garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.


Leia também