Hugo Calderano é surpreendido por colega de time e cai em Doha


O brasileiro Hugo Calderano, número 7 do ranking mundial, se despediu nesta sexta-feira do Aberto do Qatar, competição nível platinum (o mais alto em premiações e pontuações no ranking) do Circuito Mundial de tênis de mesa. Ele caiu para o seu companheiro no Liebherr Ochsenhausen, da Alemanha, o francês Simon Gauzy, por 4 a 1 (11/6, 8/11, 9/11, 1/11 e 8/11), nas oitavas de final da competição.

Calderano ainda terá mais dois Abertos Platinum para disputar antes do início dos Jogos Olímpicos, em julho. No final de abril, o desafio será no Japão. Em maio, a competição está marcada para a China. Por enquanto, os dois torneios seguem confirmados pela Federação Internacional de Tênis de Mesa (ITTF), que acompanha atentamente o quadro de evolução do surto de coronavírus.

No jogo desta sexta, Calderano iniciou arrasador. Muito agressivo e disposto a definir sempre rapidamente os pontos, abriu 5 a 0 e encaminhou uma vitória bastante tranquila no primeiro set.

Mas Gauzy conhece boa parte das armas de Hugo. Além de colega de time, foi parceiro dele em vários torneios internacionais de duplas. E passou a neutralizar o brasileiro, tirá-lo da zona de conforto e estender a duração dos ralis, a partir do segundo set. Assim, conseguiu a virada para 2 a 1 em parciais.

No quarto set, o brasileiro esteve irreconhecível. Voltou para o jogo na quinta parcial, mas não conseguiu a reação necessária e permitiu que o adversário fechasse a partida.

- O Hugo começou muito bem a partida, mas aos poucos o Gauzy conseguiu se adaptar e fazer a diferença, especialmente na recepção. Eles se conhecem muito bem, e o Hugo não teve a capacidade de impor o saque e o jogo dele. Infelizmente, o Hugo jogou bem quando o jogo estava aberto, mas faltou consistência para ganhar o confronto - analisou o técnico Jean-René Mounié.

Os próximos torneios internacionais do Circuito serão os Abertos de Omã e Polônia, ambos iniciando no dia 11. No primeiro, o Brasil será representado por Thiago Monteiro, enquanto no torneio europeu teremos a participação de Carlos Ishida, Rafael Turrini e Vitor Ishiy.












Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também