Historicamente, Sérvia e Suíça costumam dar trabalho ao Brasil em Copas do Mundo

Na Copa da Rússia, em 2018, o Brasil venceu a Sérvia, mas Neymar não teve boa atuação (Lucas Figueiredo/CBF)


Se tratando de Copa do Mundo, os adversários do Brasil na primeira fase do Mundial do Qatar, Sérvia, Suíça e Camarões, são velhos conhecidos. Em 2018, na Rússia, as seleções europeias também foram rivais na fase de grupos. Já os africanos enfrentaram a Seleção Brasileira em 2014, em partida disputada no Mané Garrincha, em Brasília.

Nestes confrontos, o Brasil não foi derrotado. Empatou com a Suíça em 1 a 1, e venceu a Sérvia e Camarões, por 2 a 0 e 4 a 1, respectivamente. No entanto, historicamente, tirando os africanos, os dois europeus costumam oferecer dificuldade para a Seleção Brasileira.

O Brasil estreou em Copas do Mundo em 1930, com uma derrota por 2 a 1 para a antiga Iugoslávia, que foi sucedida pela Sérvia. A Seleção Brasileira voltou a encontrar a Iugoslávia em mais três Mundiais, com uma vitória brasileira e dois empates. Já a Suíça enfrentou o Brasil também em 1950 e assim como em 2018, o jogo terminou empatado.

Quanto a Camarões, além da goleada sofrida em 2014, também foi derrotada pelo Brasil em 1994, por 3 a 0, gols de Romário, Márcio Santos e Bebeto. O final desta Copa do Mundo terminou com a conquista do tetracampeonato.

Brasil x Sérvia (Iugoslávia), Suíça e Camarões em Copas do Mundo

1930: Iugoslávia 2 x 1 Brasil (Preguinho)

1950: Brasil 2 x 0 Iugoslávia (Ademir e Zizinho) /

Brasil 2 x 2 Suíça (Alfredo e Baltazar)

1954: Brasil 1 x 1 Iugoslávia (Didi)

1974: Brasil 0 x 0 Iugoslávia

1994: Brasil 3 x 0 Camarões (Romário, Márcio Santos e Bebeto)

2014: Camarões 1 x 4 Brasil (Neymar duas vezes, Fred e Fernandinho)

2018: Brasil 1 x 1 Suíça (Philippe Coutinho)

Sérvia 0 x 2 Brasil (Paulinho e Thiago Silva)