Histórico difícil, mais um poupado, chance a Bobadilla: Fluminense visita a Chapecoense no Brasileirão

·2 minuto de leitura


Depois de uma vitória e um empate, o Fluminense tenta engatar uma boa sequência no Campeonato Brasileiro. Para isso, terá pela frente o lanterna da competição, a Chapecoense, nesta terça-feira, às 21h30, na Arena Condá. Com desfalques e retornos, o técnico Marcão vai poupar mais um jogador, desta vez o atacante Fred, e dará a segunda oportunidade a Raúl Bobadilla como titular.

+ Kayky é mais um! Relembre joias de Xerém que deixaram o Fluminense nos últimos anos

O centroavante não vinha tendo sequência no Flu. Primeiro, acabou perdendo espaço pelo bom momento de Fred e Abel Hernández. Recentemente, ficou um longo tempo fora em virtude de uma lesão na panturrilha direita e, posteriormente, Covid-19. No total, ele tem 16 jogos e dois gols marcados pelo Tricolor, um deles justamente na única partida que começou jogando, contra o Madureira, ainda no Estadual.

Veja a tabela do Brasileirão

Poupar jogadores tem sido uma prática comum de Marcão desde que assumiu o comando da equipe. Com a sequência de partidas, o time sentiu o desgaste. Primeiro, contra o Bahia, Egídio ficou fora e deu lugar a Danilo Barcelos. Depois, no empate com o Juventude foi a vez de Martinelli sair para Nonato jogar. Agora, como informado inicialmente pelo "ge", Fred ficou fora da viagem.

A boa notícia é que Caio Paulista, enfim, pode retornar. Nos 11 jogos em que esteve fora, o Fluminense teve três vitórias, quatro empates e quatro derrotas, além de 14 gols sofridos e 15 feitos. Lucca e Luiz Henrique devem ser os titulares, mas o jogador, que vinha sendo o destaque da temporada, fica disponível para Marcão depois de mais de um mês.

Irregular na temporada, o Fluminense se encaminha para uma das piores campanhas de primeiro turno dos últimos anos. Até o momento em 2021, o time está em 11º. São 22 pontos conquistados, cinco vitórias, sete empates e seis derrotas, além de 16 gols marcados e 19 sofridos. Caso vença, chega aos 25 pontos, superando as campanhas de 2019, 2018, 2013, 2009 e 2008 e se igualando a 2016 e 2011 em termos de pontuação. Caso empate, o Flu chega aos 23, com a 5ª pior campanha ao lado de 2018. Em caso de derrota, fica com a quarta pior, empatado com 2013.

Com um histórico bem desfavorável com o adversário desta noite, o Fluminense vem de quatro jogos sem perder. Nos 13 confrontos na história, são duas vitórias do Tricolor, ambas em 2018, cinco empates e seis derrotas. Os dois encontros em 2019 terminaram em 1 a 1. O confronto é válido pela 19ª rodada do Brasileirão.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos