Higuaín castiga Napoli com dois gols e Juve vai à final da Copa da Itália

(5 abr) O atacante argentino Gonzalo Higuaín aponta para o presidente do Napoli na tribuna

A Juventus se classificou à final da Copa da Itália, apesar de ter sido derrotada por 3 a 2 fora de casa pelo Napoli, nesta quarta-feira, em um duelo marcado pelos dois gols do argentino Gonzalo Higuaín, castigando uma torcida que há menos de um ano o idolatrava.

O 'Pepita' extinguiu com seus dois gols qualquer esperança dos locais, que não conseguiram dar a volta por cima da derrota na partida de ida, em Turim (3 a 1 para a Juventus).

Esta foi a segunda partida que Higuaín disputou no estádio San Paolo, sua ex-casa, em apenas três dias, após o duelo pelo Campeonato Italiano que ambas as equipes protagonizaram no último fim de semana (1-1).

Naquela partida, o atacante argentino acabou passando em branco e o Napoli dominou a Juventus de início ao fim. Nesta quarta-feira, foi diferente e Higuaín calou com dois gols (32 e 59 minutos) as insistentes vaias da torcida napolitana.

Pelo Napoli, marcaram o eslovaco Marek Hamsik (53), o belga Dries Mertens (61) e Lorenzo Insigne (67).

Na final da Copa da Itália, a Juventus enfrentará a Lazio, que na terça-feira eliminou a arquirrival Roma (2-0, 2-3).

- Resultados das semifinais da Copa da Itália:

Terça-feira:

Roma - Lazio 3 - 2 (0-2 na ida)

Quarta-feira:

Napoli - Juventus 3 - 2 (1-3 na ida)