Henrique se irrita com sufoco por chances perdidas: 'Temos que matar o jogo'

O Fluminense passou sufoco em alguns momentos da vitória por 3 a 2 sobre o Criciúma, na Copa do Brasil, nesta noite. Até o apito final, o time visitante pressionava em busca do gol que daria a classificação aos catarinenses. Na visão de Henrique, a classificação poderia ter sido mais tranquilo se não fossem os erros de finalização.

- Levamos sufoco por erros nossos. As oportunidades surgem e a gente não mata, cria essa situação do jogo. Temos que consertar isso aí, acertar essas coisas, porque podemos não ter duas chances. Quando tiver oportunidade, temos de matar o jogo - disse o capitão após a partida.

O Fluminense teve nove finalizações na partida, e algumas delas em situações claras. Nos minutos finais, o Criciúma se mandou ao ataque e deixou espaços para o Tricolor matar o jogo. O meia Marquinho segue na mesma linha do zagueiro.

- A gente, realmente, perdeu o ponto do jogo. Poderíamos ter matado há muito tempo antes e não ter passado esse sufoco. Foi mais um aprendizado que precisamos passar – disse o camisa 7.





E MAIS: