Hemerson Maria pede união em sua apresentação na Chapecoense

Marcio Cunha/Chapecoense
Marcio Cunha/Chapecoense


A temporada 2020 começou para a Chapecoense. Contratado para reconduzir o Verdão do Oeste à elite do futebol nacional, o técnico Hemerson Maria concedeu a sua primeira entrevista coletiva e logo de cara pediu união dentro do clube.

‘É importante a união de todos, pois a Chape viveu momentos maravilhosos, mas quando houve situações ruins teve o apoio de todos, buscando espaço no cenário estadual, nacional e internacional. Estou contente e ciente de uma responsabilidade enorme. Sei que receberei críticas, mas estou convicto no meu trabalho para recolocar o clube no lugar que merece’, disse o comandante.

Em outro ponto da coletiva, o treinador que tem vasta experiência no futebol de Santa Catarina, declarou que o namoro com a Chape é antigo.

‘É um namoro que vem há bastante tempo, desde 2014, quando foi o primeiro contato, mas eu estava no Joinville. Eu não abandono compromissos. Ano passado eu abandonei, mas todos sabem o motivo. Meu objetivo é fazer um trabalho duradouro e conquistar as metas’, afirmou.

Ao longo do ano, além do Estadual, a Chapecoense terá que disputar a Copa do Brasil e a Série B, principal competição no calendário.







Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também