Mesmo sem poder contar com 'Big Three', Warriors vencem Suns em Phoenix

EFE

Phoenix (EUA), 17 mar (EFE).- O reserva Quinn Cook anotou 28 pontos neste sábado, sua melhor marca da carreira, e foi o cestinha da vitória do Golden State Warriors, por 124 a 109, sobre o Phoenix Suns no Arizona.

Os Warriors, que venceram os Suns pela 13ª ocasião consecutiva, jogaram sem seu 'Big Three', já que Stephen Curry está com uma lesão no tornozelo, Kevin Durant tem problemas nas costelas e Klay Thompson está com o polegar fraturado.

Além de Cook, o polivalente Draymond Green somou 25 pontos e 11 rebotes para o time californiano, enquanto Nick Young acrescentou outros 20 pontos.

O time de Oakland tem a segunda melhor campanha da Conferência Oeste, com 53 vitórias e 17 derrotas, um desempenho que o coloca nos playoffs e já garantiu o título da Divisão do Pacífico.

Os Suns, por sua vez, somaram a 52ª derrota da temporada em 71 compromissos, algo que os deixa com a pior campanha geral da NBA. Seu melhor jogador nesta noite foi o reserva Josh Jackson, com 36 pontos, seguido por outro suplente, Troy Daniels, com 18.

Em outra partida da rodada, o Portland Trail Blazers de Damian Lillard, que anotou 24 pontos, oito assistências e sete rebotes, venceu em casa, por 100 a 87, o Detroit Pistons, o 12º triunfo seguido da equipe, que mantem a maior sequência atual de invencibilidade da liga.

Além de Lillard, C.J. McCollum acrescentou 16 pontos e Jusuf Nurkic somou outros 13 para a equipe do Oregon.

Com o resultado de hoje, os Blazers somam 43 vitórias e 26 derrotas, a terceira melhor campanha da Conferência Oeste.

Os Pistons, por sua vez, perderam oito das últimas dez partidas e ocupam o nono lugar na Conferência Leste, com a marca de 30-39.

O ataque dos Pistons foi liderado por Andre Drummond, que anotou um double-double de 18 pontos e 22 rebotes, seguido por Blake Griffin, que conseguiu 15, e Reggie Bullock, que somou outros 13 pontos. EFE


Leia também