Sigurdsson desfalca Everton por 2 meses, mas voltará antes da Copa

EFE

Londres, 14 mar (EFE).- O meia-atacante islandês Gylfi Sigurdsson, do Everton, ficará afastado dos gramados por entre seis e oito semanas devido a uma lesão no joelho direito, mas retomará as atividades a tempo de disputar a Copa do Mundo, que terá início em 14 de junho.

Como confirmado nesta quarta pelos médicos dos 'Toffees', Sigurdsson machucou os ligamentos do joelho durante a vitória da equipe sobre o Brighton por 2 a 0 no último sábado.

"Depois de ter sido tratado por um especialista, espera-se que a lesão que sofreu Gylfi Sigurdsson no sábado passado o mantenha afastado dos campos entre seis e oito semanas", informou o Everton em comunicado divulgado em seu site.

Dessa forma, o clube da cidade de Liverpool rechaçou os rumores de que o jogador de 28 anos não voltaria a jogar antes do Mundial da Rússia.

"Continuaremos estudando o progresso de Gylfi semanalmente, e o departamento médico trabalhará lado a lado com ele, como faria com qualquer jogador do elenco, para ajudá-lo a retornar o mais rápido possível", declarou o técnico do Everton, Sam Allardyce. EFE


Leia também